Biblioteca Florestal
Digital

Análise comparativa da eficiência entre as espécies florestais Pinus taeda e Araucaria angustifolia (Bert.) O. Ktze no seqüestro de CO2 em reflorestamento na região sul do Brasil

Show simple item record

dc.contributor.advisor Nakajima, Nelson Y.
dc.contributor.author Celso, Beloni
dc.date.accessioned 2014-04-08T12:58:45Z
dc.date.available 2014-04-08T12:58:45Z
dc.date.issued 2006-05-03
dc.identifier.citation CELSO, B. Análise comparativa da eficiência entre as espécies florestais Pinus taeda e Araucaria angustifolia (Bert.) O. Ktze no seqüestro de CO2 em reflorestamento na região sul do Brasil. 2006. 143 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Ambiental) - Universidade Regional de Blumenau, Blumenau. 2006. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br/handle/123456789/7919
dc.description Dissertação de mestrado defendida na Universidade Regional de Blumenau pt_BR
dc.description.abstract A emissão de gases poluentes e seus efeitos ambientais negativos têm recebido crescente importância nos últimos anos, devido às chamadas mudanças climáticas globais, causadas pelo efeito estufa. Para encontrar soluções, destacamos o Protocolo de Kyoto, onde este motiva a captura dos GEE via reflorestamento, sobretudo com espécies de rápido crescimento. As florestas, além de prover inúmeros benefícios diretos e indiretos ao homem, podem também contribuir decisivamente para reduzir os impactos ambientais do chamado efeito estufa através da fixação de carbono em sua biomassa. Os reflorestamentos possuem grande capacidade de armazenar carbono e, por conseguinte, filtrar a atmosfera, devido à sua capacidade de produção de biomassa em curto lapso temporal. O objetivo deste estudo é comparar estatisticamente, através da ANOVA, o fuste de povoamentos de Araucaria angustifolia e Pinus taeda em diferentes idades quanto à densidade da madeira, volume, biomassa e aos teores de carbono. Os povoamentos de Araucaria angustifolia localizam-se em Caçador/SC e pertencem à empresa MADEPINUS. Os povoamentos de Pinus taeda se localizam em Rio Negrinho/SC e pertencem à empresa Terra Nova Brasil Ltda. Foram comparadas as idades: 19 anos (Araucária) x 18 anos (Pinus); 20 anos (Araucária) x 18 anos (Pinus); 23 anos (Araucária) x 25 anos (Pinus) e 28 anos (Araucária) x 26 anos (Pinus). A comparação do volume demonstrou que o Pinus é superior em produtividade (t/m3) aos 18 anos com (51,61%); 19 anos (42,65%); 20 anos (27,72%) e que a Araucária é superior com (7,96%) aos 23 anos, com 25 anos (8,12%); com 26 anos (19,90%) e com 28 anos (34,54%). A comparação da densidade da madeira demonstrou que o fuste do Pinus com 28 anos é superior em 5,92%. As demais idades não apresentaram diferença significativa. Na comparação da biomassa (Mg/ha) do fuste Pinus foi superior aos 18, 19, 20, 23, 25, 26, 28 anos com 126,17%, 109,82%, 81,13%, 81,58%, 46,59%, 44,78%, 24,98% respectivamente. A comparação dos teores de carbono (%) do fuste demonstrou que a Araucária é superior em todas as idades com: 19 anos, 4,64%; 20 anos, 6,79%; 23 anos, 10,18% e 28 anos, 10,73%. pt_BR
dc.description.abstract The emission of polluted gases and its negative environmental effects has gained increasing importance in the last years, due the called global climate changes, caused by the heat retention in the atmosphere. And finding solution, emphasizing the Kyoto Protocol, where it motivates the capture of GEE through reforestation, over all, with species of fast growth. The forests, besides providing direct and indirect countless benefits to the human being, it can also contribute decisively to reduce the environmental impact of the called heat retention in the atmosphere through the fixation of carbon in the biomass. The reforestations possess great capacity to store carbon and, and then, to filter the atmosphere, due the capacity of production of the biomass in a short temporary lapse. The aim of this study is to compare the statistics, through the ANOVA, the stem of the stands of the Araucaria angustifolia and Pinus taeda in different ages with relationship to the density of the wood, volume, biomass and the contents of carbon. The settlements of Araucaria angustifolia are located in Caçador/SC and belong to the MADEPINUS company, and of Pinus taeda are located in Rio Negrinho/SC and belong to Terra Nova Brasil Ltd. Company. The ages that were composed: 19 years old (Araucaria) x 18 years old (Pines) and 28 years old (Araucaria). The volume comparison showed Pines is superior in productivity (t/m3) to the 18 years old with (53,77%); to the 19 years old with (53,77%); 20 years old (49,41%); and the Araucaria is superior with (7,96%), to the 25 years old (8,09%); to the 26 years old (19,99%) and with 28 years old (19,99%). The comparison of the density showed the stem of the Pines with 28 years old is superior into 5,92%. The others ages did not show significant difference. The comparison of biomass (Mg/ha) of the stem showed the Pines is superior to the 18, 19, 20, 23, 25 years old with 126,17%, 126,19%, 109,82%, 157,15%, 56.76%, 43,67% respectively. The comparison of the carbon contents (%) of the stem showed that Araucaria is superior in all ages with: 19 years old 4,64%; 20 years old 6,79%; 23 years old 10,18% and 28 yeas old 10,73%. pt_BR
dc.format 143 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Regional de Blumenau pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Florestamento e reflorestamento pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Meio ambiente::Controle ambiental e tratamento de efluentes pt_BR
dc.title Análise comparativa da eficiência entre as espécies florestais Pinus taeda e Araucaria angustifolia (Bert.) O. Ktze no seqüestro de CO2 em reflorestamento na região sul do Brasil pt_BR
dc.type Dissertação pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Dissertacao_Beloni Celso.pdf 1.181Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account