Biblioteca Florestal
Digital

Resposta espectral de folhas de eucalyptus globulus (Labill.) atacadas por Mycosphaerella spp.

Show simple item record

dc.contributor.advisor Muniz, Marlove Fátima Brião
dc.contributor.author Lippert, Diogo Belmonte
dc.date.accessioned 2013-11-11T18:02:28Z
dc.date.available 2013-11-11T18:02:28Z
dc.date.issued 2011-02-25
dc.identifier.citation LIPPERT, D. B. Resposta espectral de folhas de eucalyptus globulus (Labill.) atacadas por Mycosphaerella spp. 2011. 64 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria. 2011. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br/handle/123456789/5077
dc.description Dissertação de mestrado defendida na Universidade Federal de Santa Maria pt_BR
dc.description.abstract Eucalyptus globulus uma das espécies mais importantes para a indústria do papel e celulose, atualmente enfrenta problemas de desenvolvimento em diversos países por ser suscetível ao ataque de Mycosphaerella spp., fungo causador de manchas foliares às quais sucedem o desfolhamento das copas. O estudo tem como objetivo analisar o comportamento espectral de folhas de E. globulus em resposta à severidade da doença causada pelo fungo Mycosphaerella spp. O povoamento avaliado localiza-se no município de Herval-RS. Foram realizadas quatro coletas nas diferentes estações climáticas. Em cada coleta, com auxílio de espectrorradiômetro, efetuaram-se as leituras de reflectância das folhas classificadas em diferentes níveis de severidade (sadio, pouco atacado, medianamente atacado e muito atacado) presentes na base, no meio e na parte superior da copa. Os valores de reflectância foram então analisados segundo duas subdivisões do espectro eletromagnético (visível e infravermelho próximo). Os resultados obtidos através da ANOVA, para os valores médios de reflectância foliar na faixa do visível do espectro eletromagnético, indicam a existência de diferenças entre os níveis de severidade, entre as posições de coleta, bem como interação entre os dois fatores: posição de coleta na árvore e severidade da doença. Na porção do espectro eletromagnético correspondente ao infravermelho próximo, também foram verificadas diferenças significativas entre as posições de coleta e entre os níveis de severidade. Constatou-se a interação entre as posições de coleta na árvore e a severidade da doença. Foi possível concluir que existem variações no comportamento espectral dos níveis de severidade de acordo com a posição das folhas na árvore nas diferentes estações climáticas. Na resposta espectral das folhas de Eucalyptus globulus é detectada diferenças significativas entre os menores e maiores níveis de infecção por Mycosphaerella spp., tanto na região do visível quanto na do infravermelho. pt_BR
dc.description.abstract Eucalyptus globulus one of the most important species for paper and pulp industries, nowadays faces development problems in several countries due to its susceptibility to the fungus Mycosphaerella spp., which causes leaf spots that may cause the crown defoliation. The study aims at analyzing the spectral behavior of E. globulus leafs in response to the severity of the disease caused by the fungus Mycosphaerella spp. The stand evaluated is located at Herval - RS. Four collections were performed during the different climate seasons. In each collection, with the aid of a spectroradiometer, we carried out the reading of the foliar reflectance with different severity levels (healthy, little affected, median attack and severely attacked) in leafs from the lower, medium and higher part of the crown. The reflectance values were then analyzed according to two divisions of the electromagnetic spectrum (visible and proximal infrared). The results obtained through ANOVA for the mean value of foliar reflectance in the visible band of the electromagnetic spectrum indicate the existence of differences between levels of severity, between the positions of collection, as well as interaction between two factors: position in the tree collection and disease severity. In the part of the electromagnetic spectrum that corresponds to proximal infrared, we verified significant differences between climate seasons, collection positions and severity level. It was found interaction between collection positions and climate seasons as well as among the three factors, climate seasons, and collection positions in the tree and disease severity. It was then possible to conclude that there are variations in the spectral behavior of severity levels according to leaf position in the tree and to the climate season. The reflectance of “severely” attacked leafs is clearly distinguished from leafs in the “healthy” and “little affected” levels. pt_BR
dc.format 64 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Federal de Santa Maria pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Proteção florestal: pragas e doenças pt_BR
dc.title Resposta espectral de folhas de eucalyptus globulus (Labill.) atacadas por Mycosphaerella spp. pt_BR
dc.title Spectral response of Eucalyptus globulus (Labill.) leafs attacked by Mycosphaerella spp. pt_BR
dc.type Dissertação pt_BR

Files in this item

Files Size Format View Description
dissertacao_Diogo Belmonte Lippert.pdf 4.975Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar Dissertação

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account