Biblioteca Florestal
Digital

Macronutrientes, aspectos nutricionais e bioquímicos no crescimento de brotações de Eucalyptus grandis in vitro

Show simple item record

dc.contributor.advisor Gonçalves, Antonio Natal
dc.contributor.author Correia, Diva
dc.date.accessioned 2013-10-28T18:17:08Z
dc.date.available 2013-10-28T18:17:08Z
dc.date.issued 2006
dc.identifier.citation CORREIA, D. Macronutrientes, aspectos nutricionais e bioquímicos no crescimento de brotações de Eucalyptus grandis in vitro. 2006. 175 f. Tese (Doutorado em Recursos Florestais) - Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, Universidade de São Paulo, Piracicaba. 2006. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br/handle/123456789/4782
dc.description Tese de doutorado defendida na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - Universidade de São Paulo pt_BR
dc.description.abstract Os objetivos deste estudo foram avaliar o equilíbrio iônico dos meios de cultura, o crescimento, aspectos nutricionais e bioquímicos em brotações de Eucalyptus grandis cultivadas em meio líquido suplementado com nitrogênio (17,3; 26,0; 39,0 e 58,5 mmol L-1), fósforo (2,0; 3,0; 4,5 e 6,75 mmol L-1), potássio (7,5; 11,0; 16,5 e 24,75 mmol L-1), cálcio (3,3; 5,0; 7,5 e 11,25 mmol L-1); magnésio (2,0; 3,0; 4,5 e 6,75 mmol L-1) e enxofre (2,29; 3,29; 4,79 e 7,04 mmol L-1). O experimento foi conduzido em delineamento inteiramente aleatorizado com 19 tratamentos. As massas fresca e seca, porcentagem de massa seca, taxa de crescimento relativo, pH dos meios de cultura foram avaliadas semanalmente durante 21 dias de cultivo e teores de nutrientes minerais, carboidratos não-estruturais solúveis totais, proteínas solúveis totais e prolina foram avaliados aos 21 dias de cultivos. O equilíbrio iônico dos meios de cultura mostrou alterações em função do macronutriente e concentração utilizada. Fósforo e cálcio foram os que mais influenciaram as estimativas da especiação iônica. A morfogênese das brotações foi afetada pelo macronutriente e concentração utilizada. Concentrações a partir de 39 mmol L-1 de nitrogênio, 4,5 mmol L-1 de fósforo, 16,5 mmol L-1 de potássio, 7,5 mmol L-1 de cálcio, 6,75 mmol L-1 de magnésio e 4,79 mmol L-1 de enxofre mostraram-se excessivas. O meio de cultura JADS (CORREIA et al., 1995) contendo, em mmol L-1, 26,0 (N), 3,0 (P), 11,0 (K), 5,0 (Ca), 3,0 (Mg) e 3,0 (S) apresentou crescimento ótimo das brotações, mas não o crescimento máximo. As massas frescas e secas apresentaram incrementos ao longo do período de cultivo e maiores taxas de crescimento relativo durante os primeiros 7 dias de cultivo. Variações das concentrações dos macronutrientes em meios de cultura promoveram respostas diferenciadas para teores de macronutrientes e de micronutrientes na massa seca de brotações. Teores de carboidratos não- estruturais solúveis totais, proteínas solúveis totais e prolina da massa fresca das brotações variaram em função do macronutriente e concentração utilizada aos 21 dias de cultivo. pt_BR
dc.description.abstract The aim of this work were to evaluate the ionic equilibrium of the culture media, biochemical and nutritional aspects of Eucalyptus grandis shoot growth in liquid media suplemented with nitrogen (17,3; 26,0; 39,0 and 58,5 mmol L-1), phosphate (2,0; 3,0; 4,5 and 6,75 mmol L-1), potassium (7,5; 11,0; 16,5 and 24,75 mmol L-1), calcium (3,3; 5,0; 7,5 and 11,25 mmol L-1); magnesium (2,0; 3,0; 4,5 e 6,75 mmol L-1) and sulphate (2,29; 3,29; 4,79 and 7,04 mmol L-1). The experiment was carried out on a completely randomized statistical design with 19 treatments. The fresh weight, the oven dry weight, the dry weight percentage, the relative growth rate and the pH value were weekly evaluated for 21 days culture period. Mineral nutrients contents, total soluble non-structural carbohydrate, total soluble protein and proline were determined at the 21rst day of culture. The ionic equilibrium of the culture media showed alterations in functions of the macronutrient and concentration utilized. Concentration from nitrogen 39 mmol L-1, phosphate 4,5 mmol L-1, potassium 16,5 mmol L-1, calcium 7,5 mmol L-1, magnesium 6,75 mmol L-1 and sulphate 4,79 mmol L-1 showed to be excessives. The culture medium JADS (CORREIA et al., 1995) composition (N 26,0; P 3,0; K 11,0; Ca 5,0; Mg 3,0, and S 3,0 mmol L-1) showed the optimum shoot growth, but not the maximum growth rate. The fresh and oven dry weight production showed increament along the culture period and the relative growth rates were higher at the first week of culture. Variations on the macronutrient concentrations in the culture media showed diferentiated response to the mineral nutrient content in the shoot dry mass. Fresh mass content of total soluble non-structural carbohydrate, total soluble protein and proline showed variations in function of the macronutrients and of the concentration utilized at the 21rst day of culture. pt_BR
dc.format 175 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - Universidade de São Paulo pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Solos e nutrição florestal pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Propagação e fisiologia de espécies florestais pt_BR
dc.title Macronutrientes, aspectos nutricionais e bioquímicos no crescimento de brotações de Eucalyptus grandis in vitro pt_BR
dc.title Macronutrients, biochemical and nutritional aspects of Eucalyptus grandis shoot growth in vitro pt_BR
dc.type Tese pt_BR

Files in this item

Files Size Format View Description
tese_Correia, Diva .pdf 1.797Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar Tese

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account