Biblioteca Florestal
Digital

Estudo preliminar sobre a viabilidade econômica da substituição do óleo combustível por madeira de eucalipto

Show simple item record

dc.contributor.author Berger, Ricardo
dc.contributor.author Garlipp, Rubens Cristiano Damas
dc.date.accessioned 2013-08-19T11:11:37Z
dc.date.available 2013-08-19T11:11:37Z
dc.date.issued 1980
dc.identifier.citation BERGER, R; GARLIPP, R.C.D. Estudo preliminar sobre a viabilidade econômica da substituição do óleo combustível por madeira de eucalipto. Piracicaba: IPEF. Circular Técnica, n. 95. 1980. 7 p. pt_BR
dc.identifier.issn 0100-3453
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br/handle/123456789/3832
dc.description.abstract O presente documento foi elaborado com a finalidade de avaliar preliminarmente a possibilidade de substituição do óleo combustível por madeira de eucalipto. O óleo combustível é o derivado de petróleo mais utilizado no Brasil (cerca e 30% do total), sendo que 94% do seu consumo se destina a 10 setores da economia nacional. Dentre estes, as indústrias siderúrgica, cimenteira e de papel e celulose consomem quase 40%. O Grupo Especial da Comissão Nacional de Energia indicou como substitutos mais prováveis para o óleo combustível, os resíduos de lenha ou a lenha (principalmente para o setor de papel e celulose), carvão mineral, eletricidade e gás. Os protocolos assinados com o Governo pelas indústrias de cimento e siderurgia estabelecem a intenção de substituição de 100% do óleo que consomem, por carvão e outros energéticos já em 1984. Tais objetivos exigem estudos sobre a substituição econômica deste derivado por outro combustível. Em qualquer caso, a preocupação precípua deve ser quanto à matéria-prima alternativa, razão pela qual este trabalho enfoca apenas a produção, exploração e transporte da madeira. Custos de substituição ou adaptação de caldeira para queimar lenha não são levados em conta. Este é um aspecto que deve ser analisado particularmente pelas empresas e por se considerar que estes custos devam ser apropriados à parte industrial. Também não se considerou o custo de estocagem e armazenamento da madeira no pátio da usina. Este item de custo variará em função do “tamanho” da unidade consumidora, ou seja, da capacidade nominal instalada, da capacidade de processamento de cada empresa e do custo médio de estocagem. pt_BR
dc.format 7 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais pt_BR
dc.relation.ispartofseries Circular técnica;Número 95
dc.subject.classification Ciências Florestais::Manejo florestal::Economia e otimização florestal pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Tecnologia e utilização de produtos florestais::Energia de biomassa florestal pt_BR
dc.title Estudo preliminar sobre a viabilidade econômica da substituição do óleo combustível por madeira de eucalipto pt_BR
dc.type Boletim Técnico pt_BR

Files in this item

Files Size Format View Description
ipef-circular-tecnica-1980-marco-n-95.pdf 129.3Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar Circular técnica

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account