Biblioteca Florestal
Digital

Utilização de vibrações ultra-sônicas para o refino de celulose kraft de eucalipto

Show simple item record

dc.contributor.advisor Oliveira, Rubens Chaves de pt_BR
dc.contributor.author Silva, Rogério Peixoto pt_BR
dc.contributor.other Universidade Federal de Viçosa pt_BR
dc.date 2007-12-03 00:00:00.0 pt_BR
dc.date.accessioned 2013-01-22T10:30:37Z
dc.date.available 2013-01-22T10:30:37Z
dc.date.issued 2002 pt_BR
dc.identifier.citation Silva, Rogério Peixoto. Utilização de vibrações ultra-sônicas para o refino de celulose kraft de eucalipto. Viçosa : UFV, 2002. 77p. : il. (Dissertação - Mestrado em Ciência Florestal) - Universidade Federal de Viçosa. Orientador: Rubens Chaves de Oliveira. T 634.986117 S586u 2002 pt_BR
dc.identifier.other 114357 pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br/handle/123456789/2348
dc.description Dissertação de mestrado defendida na Universidade Federal de Viçosa pt_BR
dc.description.abstract Neste trabalho foram estudadas algumas condições tecnológicas, em nível laboratorial, que nos permitiram avaliar a aplicação de vibrações ultra-sônicas na polpa branqueada de eucalipto, como forma de refino, bem como seus efeitos no desenvolvimento das propriedades do papel. Inicialmente, realizaram-se testes preliminares, objetivando verificar o melhor tempo e potência das ondas ultra-sônicas a serem aplicadas na polpa. Logo em seguida, procurou-se otimizar as condições de consistência e pH da massa, de modo a proporcionar maior incremento na qualidade do papel. Após otimização dessas condições, implementou-se o estudo experimental a fim de avaliar as propriedades do papel, bem como as possíveis alterações morfológicas, físicas e químicas das fibras. Observou-se que a polpa sofreu efeito semelhante àquele decorrente do refino mecânico convencional, proporcionando um acréscimo à resistência do papel. As propriedades do papel foram desenvolvidas de maneira otimizada, quando ondas de ultra-som foram aplicadas por trinta minutos, na potência máxima do aparelho (190 W), a uma consistência de massa de 3% e pH 8,0. Um melhor resultado foi obtido quando, nessas condições otimizadas, a polpa foi ultrassonificada após o refino mecânico, alcançando-se um mesmo índice de tração com um menor consumo de energia do refinador PFI. Comparando os efeitos desta tecnologia aqueles decorrentes do refino mecânico, conclui-se que o ultra-som desenvolve melhor as propriedades do papel, além de não causar efeitos tão deletérios às fibras, tais como cortes e geração de finos. Portanto, sob o ponto de vista tecnológico, sua aplicação como tecnologia de refino é viável. Porém, esta tecnologia ainda necessita da disponibilidade de equipamentos com maior potência para redução do tempo de ultra-sonificação das polpas. pt_BR
dc.description.abstract Some technological conditions were studied at laboratory level, so allowing to evaluate the application of the ultrasonic vibrations upon the bleached pulp in eucalyptus as a refining form, as well as their effects on the development of the paper properties. Initially some preliminary tests were accomplished in order to verify either the best time and the potency of the ultrasonic waves to be applied on the eucalyptus pulp. Following, it was tried to optimize the consistence conditions and the mass pH in such a way to provide a higher increment in quality of the paper. After optimizing these conditions, the experimental study was implemented in order to evaluate the properties of the paper, as well ass the possible morphological, physical and chemistry alterations in the fibers. It was found that the eucalyptus pulp suffered an effect similar to that of the conventional mechanic refining, therefore increasing the resistance of the paper. The properties of the paper were developed on an optimized way, when the ultrasound waves were applied at the maximum potency of the equipment (190 W), for thirty minutes, at a mass consistence of 3% and pH 8.0. A better result was attained when, under these optimized conditions, the eucalyptus pulp was sonificated after the mechanical refining, since the same tensile index was reached with a lower energy consumption of the PFI refiner. Comparing the effects of this technology with those of the mechanical refining, it is concluded that the ultrasound provides a better development of the paper properties, besides causing no deleterious effects on the fibers such as the cutoffs and fines. Thus, under the technological viewpoint, the application of the ultrasound is viable as a refine technology. However, this technology has a need for the availability of higher power-loaded equipments that would allow to reduce the time of the pulp ultrasonification. en
dc.description.sponsorship Universidade Federal de Viçosa pt_BR
dc.format.mimetype application/pdf pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Federal de Viçosa pt_BR
dc.subject Celulose; Ondas ultra-sônicas; Aplicações industriais; Papel; Propriedades; Eucalipto; pt_BR
dc.title Utilização de vibrações ultra-sônicas para o refino de celulose kraft de eucalipto pt_BR
dc.title [An alternative technology to the refining of the bleached Kraft pulp in eucalyptus] en
dc.title.alternative [An alternative technology to the refining of the bleached Kraft pulp in eucalyptus] en
dc.type Dissertação pt_BR

Files in this item

Files Size Format View Description
dissertacao_Rogério Peixoto Silva.pdf 1.607Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar Dissertação

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account