Biblioteca Florestal
Digital

Estudo do perfil físico adequado de operadores de motosserra para o corte de eucalipto em região montanhosa

Show simple item record

dc.contributor.author Sant'Anna, Cleverson de Mello
dc.contributor.author Malinovski, Jorge Roberto
dc.contributor.author Piovesan, Ademir
dc.date.accessioned 2016-07-18T12:24:02Z
dc.date.available 2016-07-18T12:24:02Z
dc.date.issued 2000
dc.identifier.citation SANT'ANNA, C. M.; MALINOVSKI, J. R.; PIOVESAN, A. Estudo do perfil físico adequado de operadores de motosserra para o corte de eucalipto em região montanhosa. Cerne, Lavras, v.6, n.2, p.095-103, 2000. pt_BR
dc.identifier.issn 2317-6342
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/18256
dc.description.abstract Este trabalho teve como objetivo analisar fatores antropométricos de operadores de motosserra no corte de eucalipto, em áreas montanhosas, na busca de entender a relação existente entre o tipo físico dos trabalhadores e as variações na produtividade, bem como determinar o perfil adequado de operador de motosserra para atuação em região montanhosa. A coleta de dados foi efetuada em uma empresa florestal na região do Vale do Rio Doce, em Minas Gerais, nos municípios de Marliéria e Córrego Novo, no período de outubro de 1995 a fevereiro de 1996. Foram estudados a antropometria e o somatótipo de uma amostra de 29 operadores de motosserra, ou seja, 45,31% do total de operadores de motosserra da empresa, que atuam em regiões de relevo montanhoso. O componente predominante no somatótipo dos indivíduos da amostra foi a mesomorfia, indicando que os indivíduos com predomínio de tecidos musculares têm mais afinidade com a tarefa. A produtividade individual variou de 7,98 a 13,08 m³/dia. O perfil ideal de um operador de motosserra para trabalhar em regiões montanhosas, com produtividade elevada, é o de um indivíduo com somatótipo mesomorfo-endomorfo. pt_BR
dc.description.abstract The main objective of this study was the analysis of anthropometric factors of chainsaw operators in clear-cutting of Eucalyptus plantations, in mountainous areas, in view to understand the relationship between the somatotype and the productivity variation. The short-wood cutting method was used. The data collection took place on a forest enterprise, in the Vale do Rio Doce region, at the state of Minas Gerais, in Brazil, from October of 1995 to February of 1996. The study encompassed human factors, anthropometry and somatotype of a sample of 29 chainsaw operators. The prevailing component on somatotype of chainsaw operators was the mesomorphie. So the individuals with prevailance of muscular tissues have better adaptation to the task . Individual productivity varied from 7.98 to 13.08 m³/day. The ideal chainsaw operator to work in mountainous region with high productivity in mountaineous regions, is a mesomorphe-endomorphical type. pt_BR
dc.format 9 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Federal de Lavras pt_BR
dc.relation.ispartofseries Cerne:v.06,n.2;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Manejo florestal::Ergonomia pt_BR
dc.title Estudo do perfil físico adequado de operadores de motosserra para o corte de eucalipto em região montanhosa pt_BR
dc.title Study of chainsaw operators for clear-cutting operations of eucalyptus in mountainous regions pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Cerne_v6_n2_p95-103_2000.pdf 43.35Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account