Biblioteca Florestal
Digital

Produção de madeira livre de nós em povoamentos de Pinus taeda em função da densidade de plantio

Show simple item record

dc.contributor.author Sanquetta, Carlos R.
dc.contributor.author Arce, Julio E.
dc.contributor.author Mello, Anabel A. de
dc.contributor.author Silva, Eduardo Q. da
dc.contributor.author Barth Filho, Nilton
dc.contributor.author Matoski, Selma L.S.
dc.date.accessioned 2016-07-12T19:16:50Z
dc.date.available 2016-07-12T19:16:50Z
dc.date.issued 2003-07
dc.identifier.citation SANQUETTA, C. R. et al. Produção de madeira livre de nós em povoamentos de Pinus taeda em função da densidade de plantio. Cerne, Lavras, v. 9, n. 2, p. 129-140, jul./dez. 2003. pt_BR
dc.identifier.issn 2317-6342
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/18196
dc.description.abstract Este artigo objetiva analisar a influência do espaçamento inicial de plantio sobre as variáveis dap, altura total, altura de inserção do primeiro galho, volume total, volume livre de nós e volume até 25, 18 e 8 cm de diâmetro, em povoamentos de Pinus taeda. Ênfase é dada ao efeito da densidade de plantio na formação de galhos e na produção de madeira livre de nós. O experimento foi instalado no município de Jaguariaíva, PR. Os dados da última avaliação, realizada em 1999 (12 anos de idade), foram utilizados nesta pesquisa. Os resultados indicaram que espaçamentos maiores conferem um aumento acentuado no dap, e todas as variáveis que possuem relação direta com o mesmo (volume total, volume até 25 cm, volume até 18 cm e volume até 8 cm) apresentam diferenças significativas entre os tratamentos. A altura total não foi afetada pela densidade. Evidenciou-se também que a densidade afeta a produção de galhos; quanto menor a densidade, menor é a altura da inserção dos primeiros galhos e menor o volume livre de nós. Concluiu-se que se o objetivo final é a produção de madeira para laminação e/ou serraria, é aconselhável optar por plantios com maiores espaçamentos, desde que seja realizada poda artificial. Quando a realização de poda artificial for impraticável, a melhor alternativa é adotar espaçamentos intermediários, como o 2,5 x 2,8 m, que produz praticamente a mesma quantidade de madeira limpa. pt_BR
dc.description.abstract This paper analyzed the influence of initial stand density on mean tree dbh, mean top height, mean height at the lowest branch, mean total tree volume, clear mean volume, mean volume at 25 cm, 18 and 8 cm diameter, in loblolly pine plantations in southern Brazil. Special attention is given to clear wood yield. The experiment was established in the Jaguariaíva county, Paraná State, on the Pisa Florestal S.A. lands. The experiment was evaluated at several occasions since its establishment, but onlydata collected in the last measurement (1999, at age 12) were used. The results indicated that large inital spacing determine more remarkable increase in dbh and other related variables (mean total tree volume, mean volume at 25 cm, 18 and 8 cm diameter). No significant effect of stand density on mean top height was noticed. It was also noticed that stand density affects knot formation; the higher the density the lower the height at the lowest branch and the lower the clear volume. It was concluded that if the key objective is wood yield for veneer (and sawnwood in some cases), it is recommendable to use larger stand spacings in combination with artificial prunning. When pruning is not feasible, the intermediate spacings (as 2.5 x 2.8 m) should be used, which may result in same clear wood yield as compared to larger spacings (as 2.5 x 3.6 m or larger). pt_BR
dc.format 12 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Federal de Lavras pt_BR
dc.relation.ispartofseries Cerne:v.09,n.2;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Manejo florestal pt_BR
dc.title Produção de madeira livre de nós em povoamentos de Pinus taeda em função da densidade de plantio pt_BR
dc.title The effect of initial stand density on clear wood yield in Loblolly pine plantations pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Cerne_v9_n2_p129-140_2003.pdf 61.80Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account