Biblioteca Florestal
Digital

Efeito do desbaste e da qualidade do sítio na relação hipsométrica de Pinus taeda

Show simple item record

dc.contributor.author David, Hassan Camil
dc.contributor.author Arce, Julio Eduardo
dc.contributor.author Netto, Sylvio Péllico
dc.contributor.author Corte, Ana Paula Dalla
dc.contributor.author Marinheski Filho, Ataides
dc.contributor.author Araújo, Emanuel José Gomes de
dc.date.accessioned 2016-07-05T14:46:49Z
dc.date.available 2016-07-05T14:46:49Z
dc.date.issued 2016
dc.identifier.citation DAVID, H. C. et al. Efeito do desbaste e da qualidade do sítio na relação hipsométrica de Pinus taeda. Floresta e Ambiente, Rio de Janeiro, v. 23, n. 2, p. 220-228. 2016. pt_BR
dc.identifier.issn 2179-8087
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/18051
dc.description.abstract Foi conduzido um experimento em povoamentos de Pinus taeda com objetivo de avaliar o efeito do desbaste e da qualidade do sítio na relação hipsométrica. Efetuou-se uma análise de variância em blocos casualizados, em que os blocos corresponderam aos sítios e os tratamentos, aos desbastes mistos, combinando os métodos sistemático e seletivo baixo, cortando uma a cada cinco linhas de plantio mais 66%, 54%, 42%, 30% e 19% de árvores do dossel inferior. Os desbastes ocorreram entre 8 e 9 anos de idade e, aos 12 anos, foram medidos o diâmetro e a altura das árvores remanescentes. A relação hipsométrica foi modelada e aplicado o teste de identidade de modelos de Graybill, para reduzir o número de modelos similares selecionados no mesmo bloco. Houve diferença estatística entre tratamentos e blocos. Concluiu-se que a hipsometria varia pouco entre tratamentos, mas reduz sua inclinação quando piora a qualidade do sítio. Equações hipsométricas iguais podem ser empregadas em diferentes tratamentos. pt_BR
dc.description.abstract An experiment in pine (Pinus taeda) stands was conducted aiming to evaluate the thinning and site quality effect on the height-diameter relationship. We applied an analysis of variance in randomized blocks, with blocks representing the sites and treatments the mixed thinning, in which systematic and selective modalities were combined, harvesting every fifth row plus 66%, 54%, 42%, 30% and 19% of the lower canopy trees. Thinnings occurred at 8 and 9 years old interval, and diameters and heights of the trees were measured at age 12. We modeled height-diameter relationship and applied the Graybill test for reducing the number of similar selected models in a same block. We found statistical differences between treatments and blocks. As conclusion, height-diameter relationship varies less between treatments but the curve slope tends to reduce in lower quality sites. Same height-diameter equations can be used in different treatments. pt_BR
dc.format 9 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Instituto de Florestas, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro pt_BR
dc.relation.ispartofseries Floresta e Ambiente:v.23,n.2;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Manejo florestal::Dendrometria e mensuração florestal pt_BR
dc.title Efeito do desbaste e da qualidade do sítio na relação hipsométrica de Pinus taeda pt_BR
dc.title Thinning and site quality effects on the height-diameter relationship of Pinus taeda pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Revista_Florest ... e_v23_n2_p220-228_2016.pdf 1.113Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account