Biblioteca Florestal
Digital

Fatores humanos e condições de trabalho em atividades de implantação e manutenção florestal

Show simple item record

dc.contributor.author Britto, Pedro Caldas
dc.contributor.author Lopes, Eduardo da Silva
dc.contributor.author Drinko, Carlos Henrique Fonseca
dc.contributor.author Gonçalves, Saulo Boldrini
dc.date.accessioned 2016-06-22T17:55:39Z
dc.date.available 2016-06-22T17:55:39Z
dc.date.issued 2015
dc.identifier.citation BRITTO, P. C. et al. Fatores humanos e condições de trabalho em atividades de implantação e manutenção florestal. Floresta e Ambiente, Rio de Janeiro, v. 22, n. 4, p. 503-511. 2015. pt_BR
dc.identifier.issn 2179-8087
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/17838
dc.description.abstract Este trabalho objetivou avaliar os fatores humanos e as condições de trabalho em atividades de implantação e manutenção florestal visando subdiar a melhoria das condições de conforto, segurança e saúde dos trabalhadores. O estudo foi realizado em uma empresa florestal da Região dos Campos Gerais, estado do Paraná. A caracterização dos fatores humanos e das condições de trabalho foi realizada por meio de questionários aplicados na forma de entrevistas com 72 trabalhadores que atuavam em atividades silviculturais. De acordo com os resultados, a idade média dos trabalhadores foi de 34,9 anos, sendo a maioria de origem rural, casados, com baixo nível de escolaridade e com pouco tempo de experiência na empresa e na função, representados por 14,9 e 12,5 meses, respectivamente. Na opinião da maioria dos trabalhadores, os óculos de proteção utilizados na aplicação de herbicidas foram apontados como maiores causadores de desconforto no trabalho. pt_BR
dc.description.abstract The objective of the present study was to evaluate the human factors and working conditions in forestry maintenance and planting operations in order to improve comfort, safety and health conditions of workers. The study was conducted in a forest company located in the region of Campos Gerais, Parana State. The characterization of human factors and work conditions was conducted by interviews with 72 workers of syilviculture activities. The results indicated that the workers’ average age was 34.9 years, most of them from rural origin, married, with low level of education, and short time experience in the company and the function, 14.9 and 12.5 months, respectively. In the opinion of most of the workers, the protection glasses used in the herbicide application activity were identified as a cause of discomfort at work. pt_BR
dc.format 9 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Instituto de Florestas, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro pt_BR
dc.relation.ispartofseries Floresta e Ambiente:v.22,n.4;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Manejo florestal::Ergonomia pt_BR
dc.title Fatores humanos e condições de trabalho em atividades de implantação e manutenção florestal pt_BR
dc.title Human factors and work conditions in forest maintenance and planting operations pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Revista_Florest ... e_v22_n4_p503-511_2015.pdf 1.398Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account