Biblioteca Florestal
Digital

Efeitos da fertilização mineral na produção e germinação de sementes e na biomassa de plântulas de Dalbergia miscolobium Benth.

Show simple item record

dc.contributor.author Massi, Klécia Gili
dc.date.accessioned 2016-06-17T12:27:38Z
dc.date.available 2016-06-17T12:27:38Z
dc.date.issued 2015
dc.identifier.citation MASSI, K. G. Efeitos da fertilização mineral na produção e germinação de sementes e na biomassa de plântulas de Dalbergia miscolobium Benth. Revista Árvore, Viçosa, v.39, n.6, p.1039-1046, 2015. pt_BR
dc.identifier.issn 1806-9088
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/17767
dc.description.abstract Mesmo adaptadas à baixa fertilidade dos solos, acredita-se que as espécies de plantas do Cerrado seriam capazes de responder a uma maior disponibilidade de nutrientes e alterar sua produtividade. Este estudo teve por objetivo comparar a produção de frutos, massa de frutos e sementes, germinação e comprimento e biomassa das plântulas da espécie arbórea Dalbergia miscolobium entre áreas fertilizadas e não fertilizadas de Cerrado sensu stricto na Reserva Ecológica do IBGE, Distrito Federal, Brasil. Não houve aumento na produção de frutos, na massa de sementes e na biomassa das plântulas de D. miscolobium em resposta ao aumento da disponibilidade de nutrientes minerais no solo. A massa dos frutos e a porcentagem de germinação foram menores em resposta à fertilização, enquanto o comprimento radicular foi maior em plântulas de sementes fertilizadas. Plantas adaptadas aos solos oligotróficos do Cerrado são menos exigentes em nutrientes e possuem estratégias, como a retranslocação de elementos minerais e orgânicos de órgãos senescentes que podem suprir a demanda por nitrogênio, fósforo e potássio necessários para as atividades reprodutivas. pt_BR
dc.description.abstract Even adapted to poor soil conditions, Cerrado plants may respond to higher nutrient availability and change their crop production. The aim of this study was to compare the fruit-production, fruit and seed mass, germination, seedlings length and biomass of Dalbergia miscolobium trees growing in fertilized and non-fertilized Cerrado sensu strict plots in Reserva Ecológica do IBGE, Distrito Federal, Brazil. Nutrient addition did not increase fruit-production, seed mass and seedling biomass of D. miscolobium. Fruit mass and seed germination were lower in fertilized plants; root length was higher in seedlings from fertilized seeds. Thus, plants adapted to the oligotrophic soils of Cerrado are less demanding in nutrients and have strategies such as retranslocation of mineral and organic elements of senescent organs that can meet the demand for nitrogen, phosphorus and potassium needed for reproductive activities. pt_BR
dc.format 8 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Sociedade de Investigações Florestais pt_BR
dc.relation.ispartofseries Revista Árvore:v.39,n.6;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Sementes florestais pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Solos e nutrição florestal pt_BR
dc.title Efeitos da fertilização mineral na produção e germinação de sementes e na biomassa de plântulas de Dalbergia miscolobium Benth. pt_BR
dc.title Effects of mineral fertilization on seed production, germination and seedling biomass of Dalbergia miscolobium Benth. pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Revista_Árvore_v39_n6_p1039-1046_2015.pdf 678.6Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account