Biblioteca Florestal
Digital

Atividade cambial em Pterocarpus violaceus Vogel (Fabaceae)

Show simple item record

dc.contributor.advisor Soffiatti, Patrícia
dc.contributor.author Schemberg, Eduardo Antonio
dc.date.accessioned 2016-06-14T19:34:07Z
dc.date.available 2016-06-14T19:34:07Z
dc.date.issued 2012
dc.identifier.citation SCHEMBERG, E. A. Atividade cambial em Pterocarpus violaceus Vogel (Fabaceae). 2012. 39 f. Dissertação (Mestrado em Botânica) - Universidade Federal do Paraná, Curitiba. 2012. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/17691
dc.description Dissertação de Mestrado defendida na Universidade Federal do Paraná pt_BR
dc.description.abstract A inter-relação entre os fatores climáticos, a fenologia e a periodicidade da atividade cambial foi analisada em Pterocarpus violaceus, crescendo em uma área de Floresta Ombrófila Densa no estado do Paraná, Brasil. Amostras do tronco, de cinco indivíduos, na região do DAP foram coletadas mensalmente entre 2010 e 2012. O incremento foi mensurado por dendrômetros e a fenologia acompanhada durante o mesmo período. O câmbio apresenta o período de atividade de setembro a fevereiro e de dormência de junho a agosto. O período ativo coincide com a estação quente e chuvosa, quando a folhagem se renova e os dendrômetros marcam as maiores taxas de incremento. A dormência coincide com a estação fria e com a menor pluviosidade, quando as árvores perdem suas folhas e os dendrômetros marcam as menores taxas de incremento. Os anéis de crescimento são marcados por faixas estreitas de parênquima axial e por um aumento gradual do espessamento da parede das fibras. A temperatura e a precipitação desempenham um papel crucial na reativação e dormência cambial já que a região estudada historicamente apresenta sazonalidade climática bem demarcada. pt_BR
dc.description.abstract The interrelationship between climatic factors, phenology and periodicity of cambial activity was analyzed in P. violaceus growing in an area of South Atlantic Forest in South Brazil. Trunk samples were collected monthly, at BHD, from five individuals from 2010 and 2012. The radial increment was measured with dendrometers and the phenology was reported for the same period. The cambium showed one active and one dormant period during the year. The active period coincides with the rainy and hot season, when the trees produced new leaves and the dendrometer bans mark the highest radial increment rates. The cambial dormancy coincides with the cold and less humid season, when the trees lose their leaves and the dendrometer bands mark the lowest radial increment rates. The growth rings are marked by narrow parenchyma bands and fibers with thicker walls. The temperature and precipitation play an essential role in the reactivation and stop of cambial activity as the study area historically shows a well marked climatic seasonality. pt_BR
dc.format 39 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Federal do Paraná pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Manejo florestal::Dendrometria e mensuração florestal pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Dendrologia e fitossociologia pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Tecnologia e utilização de produtos florestais::Anatomia e identificação de produtos florestais pt_BR
dc.title Atividade cambial em Pterocarpus violaceus Vogel (Fabaceae) pt_BR
dc.type Dissertação pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
dissertacao_Eduardo Antonio Schemberg.pdf 51.33Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account