Biblioteca Florestal
Digital

Determinação do módulo de elasticidade de painéis aglomerados por Stress Wave Timer

Show simple item record

dc.contributor.author Mendes, Rafael Farinassi
dc.contributor.author Mendes, Lourival Marin
dc.contributor.author Carvalho, Amélia Guimarães
dc.contributor.author Guimarães Junior, José Benedito
dc.contributor.author Mesquita, Ricardo Gabriel de Almeida
dc.date.accessioned 2016-04-18T12:07:38Z
dc.date.available 2016-04-18T12:07:38Z
dc.date.issued 2012-04
dc.identifier.citation MENDES, R. F. et al. Determinação do módulo de elasticidade de painéis aglomerados por Stress Wave Timer. Floresta e Ambiente, Rio de Janeiro, v. 19, n. 2, p. 117-122, abr./jun. 2012. pt_BR
dc.identifier.issn 2179-8087
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/17535
dc.description.abstract O objetivo do trabalho foi avaliar a determinação do módulo de elasticidade de painéis aglomerados por stress wave timer, assim como associar os resultados com o efeito de algumas variáveis de produção dos painéis. O delineamento experimental constituiu- se em cinco tratamentos, sendo quatro tratamentos produzidos com bagaço de cana, nos quais foram avaliados dois tipos de adesivos (melamina-ureia-formaldeído – MUF e ureia- formaldeído – UF) em associação com dois tipos de estruturas de painel (em camadas e homogêneos) e um tratamento produzido com o adesivo UF, com estrutura em camadas e madeira de Eucalyptus urophylla. Observou-se que o tipo de material é o que exerce maior influência sobre a determinação do MOEd, sendo o painel produzido com bagaço de cana o que apresentou as melhores correlações. O tipo de adesivo não apresentou influência sobre os resultados, enquanto que os painéis com estrutura em camadas tiveram tendência de melhor correlação em relação aos painéis homogêneos. pt_BR
dc.description.abstract The objective of this study was to evaluate the determination of the elastic modulus of particleboard by stress wave timer and associate the results with the effect of some production variables of the panels. The experiment consisted in five treatments: four treatments produced with sugar cane bagasse, where two types of adhesives (melamine-urea-formaldehyde – MUF and urea-formaldehyde - UF) were evaluated in combination with two types of panel structures (layered and homogeneous); and one treatment produced with UF adhesive, with structure in layers and with Eucalyptus urophylla wood. It was possible to observe that the type of material is what influences the most on the determination of MOEd, with the panel of sugar cane bagasse presenting the best correlations. The type of adhesive had no effect on the results, while the panels with layered structure tended to have better correlation in relation to the homogeneous panels. pt_BR
dc.format 6 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Instituto de Florestas, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro pt_BR
dc.relation.ispartofseries Floresta e Ambiente:v.19,n.2;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Tecnologia e utilização de produtos florestais::Propriedades físico-mecânicas da madeira pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Tecnologia e utilização de produtos florestais::Tecnologia de chapas pt_BR
dc.title Determinação do módulo de elasticidade de painéis aglomerados por Stress Wave Timer pt_BR
dc.title Determination of the elastic modulus of particleboard by Stress Wave Timer pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Revista_Florest ... e_v19_n2_p117-122_2012.pdf 644.7Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account