Biblioteca Florestal
Digital

Propagação de guaricica (Vochysia bifalcata Warm.) por sementes e estaquia caulinar

Show simple item record

dc.contributor.advisor Zuffellato-Ribas, Katia Christina
dc.contributor.author Rickli, Helena Cristina
dc.date.accessioned 2016-04-11T13:39:36Z
dc.date.available 2016-04-11T13:39:36Z
dc.date.issued 2012-02-14
dc.identifier.citation RICKLI, H. C. Propagação de guaricica (Vochysia bifalcata Warm.) por sementes e estaquia caulinar. 2012. 102 f. Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade Federal do Paraná, Curitiba. 2012. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/17494
dc.description Dissertação de Mestrado defendida na Universidade Federal do Paraná pt_BR
dc.description.abstract Vochysia bifalcata Warm., pertencente à família Vochysiaceae, conhecida vulgarmente como guaricica, pau-amarelo ou pau-de-vinho, está distribuída geograficamente na Floresta Ombrófila Densa dos Estados do Paraná, Santa Catarina, São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. É uma espécie nativa recomendada para a recuperação de áreas degradadas. Devido ao pouco conhecimento sobre a propagação de Vochysia bifalcata, a presente dissertação teve como objetivo geral verificar as condições ideais para o teste de germinação de sementes, além de verificar a viabilidade da propagação vegetativa da espécie, por meio de estaquia de brotações do ano coletadas nas quatro estações do ano com a aplicação de ácido indol butírico (IBA) e antioxidante polivinilpirrolidona (PVP), e o enraizamento de estacas de brotações epicórmicas provenientes de decepa e envergadura de caule com a aplicação de IBA. Para o teste de germinação, foram utilizadas diferentes temperaturas (20 °C, 25 °C e 30 °C) e substratos (rolo de papel, papel mata-borrão e vermiculita) na germinação de sementes de guaricica, as quais foram mantidas em germinadores sob luz constante. Sementes de Vochysia bifalcata mantidas sob a temperatura de 25 °C, nos substratos papel mata-borrão e vermiculita apresentaram as maiores porcentagens de germinação (70 e 73% respectivamente) e maiores índices de velocidade de germinação (2,16 e 2,05 respectivamente). Para o experimento de estaquia de brotação do ano de Vochysia bifalcata, coletadas nas quatro estações do ano foram utilizadas estacas semilenhosas submetidas a tratamento com 0, 500, 1000 e 2000 mg L -1 de IBA, combinados com 0 e 1000 mg L -1 de PVP, totalizando oito tratamentos. Também foram realizadas análises anatômicas da base das estacas. Houve percentuais quase nulos para o enraizamento adventício. O IBA e PVP não se mostraram eficientes na indução radicial. O inverno foi a estação que apresentou maiores percentuais para sobrevivência (56%), brotação (10%) e manutenção das folhas na estaca (52%). A presença de um anel contínuo de fibras perivasculares nas estacas semilenhosas utilizadas pode constituir uma barreira anatômica à emissão de novas raízes. Para o experimento de estaquia com brotações epicórmicas provenientes de decepa e envergadura de caule foram confeccionados dois tipos de estacas de acordo com a origem das brotações epicórmicas e aplicação de solução hidroalcoólica de IBA (0 e 1000 mg L -1 ) na base das estacas que, posteriormente, foram mantidas em casa de vegetação por 60 dias. Também foram realizadas análises anatômicas da base de cada tipo de estaca. A presença de fibras na região cortical do caule de estacas de decepa não constituiu uma barreira anatômica, pois estas apresentaram maior capacidade de enraizamento (81%), maior número de raízes por estaca (8,0) e maior comprimento das raízes (2,0 cm) em relação àquelas de envergadura de caule, que apresentaram resultados inferiores de porcentagem de enraizamento (31%), número de raízes por estaca (3,3) e comprimento das raízes (0,7 cm). pt_BR
dc.description.abstract Vochysia bifalcata Warm., belonging to the family Vochysiaceae, commonly known as guaricica, pau-amarelo or pau-de-vinho, is geographically distributed in the Dense Ombrophylous Forest in the states of Parana, Santa Catarina, São Paulo, Rio de Janeiro and Minas Gerais. It is a native species recommended for the recovery of degraded areas. Due to the lack of knowledge about sexual and vegetative propagation of Vochysia bifalcata, this dissertation aimed to verify the overall ideal conditions for seed germination test, and verify the viability of vegetative propagation of the species by cuttings of shoots of the year collected in four seasons with the application of indole butyric acid (IBA) and antioxidant polyvinylpyrrolidone (PVP), and the rooting of epicormic sprouts from stump and bend of stem with the application of IBA. Tests of germination were made at different temperatures (20 °C, 25 °C and 30 °C) and substrate (paper roll, blotting paper and vermiculite) on seed germination of Vochysia bifalcata, which were kept in germination under constant light. The Vochysia bifalcata seeds under the temperature of 25 ° C in blotting paper and vermiculite substrate showed the highest percentage of germination (70 and 73% respectively) and higher rates of germination speed (2.16 and 2.05 respectively ). For the experiment of cutting sprouts of the year of Vochysia bifalcata, collected in four seasons, were used semi-hardwood cuttings that were treated with 0, 500, 1000 and 2000 mg L -1 IBA, combined with 0 and 1000 mg L -1 of PVP. Anatomical analysis of the base of the cuttings was also performed. There was almost zero percentage for rooting. The IBA and PVP were not efficient in inducing roots. Winter was the season that had higher percentages for survival (56%), flushing (10%) and maintenance of the leaves on the stake (52%). The presence of a continuous ring of perivascular fibers in semi-hardwood cuttings considered can be an anatomical barrier to the issuance of new roots. For the experiment with cuttings of epicormic sprouts from stump and bend of stem were used of two types of stem cuttings and application of hydroalcoolic solution of IBA (0 and 1000 mg L -1 ) at the base of the cuttings that were subsequently kept in a greenhouse for 60 days. Anatomical analysis of the base for each type of cutting was also performed. The presence of fibers in the cortical region of the stem cuttings of stump is not an anatomical barrier, because they had higher rooting capacity (81%), higher number of roots per cutting (8.0) and increased root length (2.0 cm) compared to of bend of stem cutting, which had lower results in rooting percentage (31%), number of roots per cutting (3.3) and root length (0.7 cm). pt_BR
dc.format 102 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Federal do Paraná pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Propagação e fisiologia de espécies florestais pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Sementes florestais pt_BR
dc.title Propagação de guaricica (Vochysia bifalcata Warm.) por sementes e estaquia caulinar pt_BR
dc.type Dissertação pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
dissertacao_Helena Cristina Rickli.pdf 3.251Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account