Biblioteca Florestal
Digital

Avaliação da termorretificação sobre a colagem na madeira de Eucalyptus saligna e Pinus caribaea var. hondurensis

Show simple item record

dc.contributor.author Pincelli, Ana Lúcia Piedade Sodero Martins
dc.contributor.author Brito, José Otávio
dc.contributor.author Corrente, José Eduardo
dc.date.accessioned 2016-04-01T13:31:53Z
dc.date.available 2016-04-01T13:31:53Z
dc.date.issued 2002-06
dc.identifier.citation PINCELLI, A. L. P. S. M.; BRITO, J. O.; CORRENTE, J. E. Avaliação da termorretificação sobre a colagem na madeira de Eucalyptus saligna e Pinus caribaea var. hondurensis. Scientia Forestalis, Piracicaba, n. 61, p. 122-132, jun. 2002. pt_BR
dc.identifier.issn 2318-1222
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/17356
dc.description.abstract Madeiras de Eucalyptus saligna e de Pinus caribaea var. hondurensis foram submetidas à ação do calor num processo denominado de “termorretificação” ou “retificação térmica”, conduzido em estufa elétrica laboratorial, numa faixa de temperatura entre 120 e 180°C. O objetivo foi estudar as alterações que a termorretificação pudesse proporcionar às características da madeira, em relação ao seu comportamento de colagem mediante a avaliação da resistência ao cisalhamento. Os resultados indicaram que a termorretificação reduz os valores de resistência ao cisalhamento da madeira, não havendo, porém, efeito sobre tal resistência em se tratando da linha de colagem, ou seja, na interação madeira/adesivo. Conclui-se disso que a termorretificação não reduz a eficácia da interação entre a madeira e o adesivo. Pode-se então considerar que os processos usuais de colagem adotados na indústria madeireira / moveleira são passíveis de serem indicados para madeiras termorretificadas. pt_BR
dc.description.abstract Eucalyptus saligna and Pinus caribaea var. hondurensis woods were submitted to a “thermorectification process”, conducted in a laboratorial electrical furnace, with temperature ranging 120-180°C. The aim was to evaluate the changes likely to be provided by the process to the characteristics of adhesive bonding of the wood. Thereby, a shearing strength trial was conducted. The results showed that the “thermorectification process” influences the shearing strength of the woods, but not the strength of “wood / adhesive” bonding line. Thus one can consider that the usual adhesive bonding processes adopted by the logging / furniture industry are likely to be indicated for “thermorectified woods”. pt_BR
dc.format 11 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais pt_BR
dc.relation.ispartofseries Scientia Forestalis:,n.61;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Tecnologia e utilização de produtos florestais::Tratamento da madeira pt_BR
dc.title Avaliação da termorretificação sobre a colagem na madeira de Eucalyptus saligna e Pinus caribaea var. hondurensis pt_BR
dc.title Valuation of the “thermo-retificated wood” in adhesive bonding of Eucalyptus saligna and Pinus caribaea var. hondurensis pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Scientia_Forestalis_n61_p122-132_2002.pdf 179.7Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account