Biblioteca Florestal
Digital

Análise do uso do solo e degradação ambiental na bacia hidrográfica do rio Pequeno - São José dos Pinhais/PR, por meio do Diagnóstico Físico-Conservacionista - DFC

Show simple item record

dc.contributor.advisor Santos, Leonardo José Cordeiro
dc.contributor.author Chueh, Anderson Mendes
dc.date.accessioned 2016-03-28T11:45:49Z
dc.date.available 2016-03-28T11:45:49Z
dc.date.issued 2004
dc.identifier.citation CHUEH, A. M. Análise do uso do solo e degradação ambiental na bacia hidrográfica do rio Pequeno - São José dos Pinhais/PR, por meio do Diagnóstico Físico-Conservacionista - DFC. 2004. 91 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal do Paraná, Curitiba. 2004. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/17272
dc.description Dissertação de Mestrado defendida na Universidade Federal do Paraná pt_BR
dc.description.abstract A área de estudo é a bacia hidrográfica do rio Pequeno, compreendida integralmente nos limites de São José dos Pinhais, entre as coordenadas 25o 27' e 25o 37' S e 48o 58' e 49o 12' W. Esta bacia encontra-se no limite da expansão da RMC - Região Metropolitana de Curitiba - e experimenta o conflito entre as possibilidades e necessidades de ocupação e uso do solo. Tendo como base esta necessidade, e buscando estabelecer parâmetros na exploração dos recursos naturais, com especial atenção ao solo e à água, tem se almejado estudos sistêmicos que possibilitem um diagnóstico ambiental integrado do meio físico. O objetivo principal deste trabalho é quantificar a degradação dos recursos naturais da bacia. Para isto, buscou-se apoio na metodologia denominada Diagnóstico Físico-Conservacionista (DFC), proposta por BELTRAME (1990), adaptada do Centro Interamericano de Desenvolvimento de Águas e Terras (CIDIAT) e pelo Ministério do Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (MARNR), ambos da Venezuela. A partir desta metodologia e de algumas adaptações obteve-se os índices para os parâmetros estipulados pela mesma, possibilitando uma análise quantitativa do potencial de degradação de cada setor. Como resultados finais, os setores A e B apresentaram igual valor - 46,875 unidades de risco de degradação física, demonstrando que estão sob as mesmas condições em termos de conservação física do ambiente. No entanto, para o setor B, deve-se ter uma atenção especial nas medidas conservacionistas, pois o uso do solo atual mostra que há intensificação do uso agropecuário, o qual vem avançando sobre os demais tipos e pode aumentar a degradação física naquela área. No setor C os resultados dos índices dos parâmetros demonstraram características distintas dos outros. Embora com índice menor que os demais, 34,375 unidades de riscos de erosão, foi o que apresentou alterações mais significativas na sua cobertura vegetal original, a qual foi substituída pelos tipos de uso agropecuário e por áreas urbanas, o que pode intensificar os impactos ambientais negativos, devendo estas alterações serem consideradas no planejamento e nas medidas conservacionistas a serem adotadas. pt_BR
dc.description.abstract The study area is the hydrographic basin of the Pequeno river, understood integrally in the limits of São José of Pinhais, among the coordinates 25 o 27' and 25 o 37' S and 48 o 58' and 49 o 12' W. This basin meets in the limit of the expansion of RMC - Metropolitan Area of Curitiba - and it tries the conflict between the possibilities and occupation needs and use of the soil. Tends as base this need, and looking for to establish parameters in the exploration of the natural resources, with special attention to the soil and the water, it has been longing for systemic studies that facilitate an integrated environmental diagnosis of the physical middle. The main objective of this work is to quantify the degradation of the natural resources of the basin. For this, support was looked for in the methodology denominated Diagnóstico Físico- Conservacionista (DFC), proposed by BELTRAME (1990), adapted of the Interamerican Center of Development of Waters and Lands (ICDWL) and for the Ministry of the Atmosphere and of the Natural Renewed Resources (MANRR), both of Venezuela. Starting from this methodology and of some adaptations it was obtained the indexes for the parameters specified by the same, facilitating a quantitative analysis of the potential of degradation of each section. As final results, the sections A and B presented the same value - 46,875 units of risk of physical degradation, demonstrating that are under the same conditions in terms of physical conservation of the environment. However, for the section B, a special attention should be had in the preservation measured, because the use of the soil current exhibition that there is intensificated by the agricultural use, which comes moving forward on the other types and it can increase the physical degradation in that area. In the section C the results of the indexes of the parameters demonstrated characteristics different from the other ones. Although with smaller index than the others, 34,375 units of erosion risks, it had more significant alterations in its original vegetable covering, which was substituted by the types of agricultural use and for urban areas, what can intensify the negative environmental impacts, owing these alterations be considered in the planning and in the preservation measured to be adopted. pt_BR
dc.format 91 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Federal do Paraná pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Solos e nutrição florestal pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Meio ambiente::Manejo de bacias hidrográficas pt_BR
dc.title Análise do uso do solo e degradação ambiental na bacia hidrográfica do rio Pequeno - São José dos Pinhais/PR, por meio do Diagnóstico Físico-Conservacionista - DFC pt_BR
dc.type Dissertação pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
dissertacao_Aderson Mendes Chueh.PDF 9.309Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account