Biblioteca Florestal
Digital

Superfícies aplainadas na bacia hidrográfica do Altíssimo Rio Tibagi - PR

Show simple item record

dc.contributor.advisor Passos, Everton
dc.contributor.author Martins, Tiago Damas
dc.date.accessioned 2016-03-17T13:53:58Z
dc.date.available 2016-03-17T13:53:58Z
dc.date.issued 2008-03-24
dc.identifier.citation MARTINS, T. D. Superfícies aplainadas na bacia hidrográfica do Altíssimo Rio Tibagi - PR. 2008. 92 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal do Paraná, Curitiba. 2008. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/17209
dc.description Dissertação de Mestrado defendida na Universidade Federal do Paraná pt_BR
dc.description.abstract Nesta pesquisa buscou-se comprovar a ação de oscilações climáticas pretéritas, como determinantes na origem e esculturação da morfologia atual do relevo e suas implicações na evolução da paisagem. O estudo abrange um recorte temporal referente ao Período Quaternário, do qual existem diversas referências em que são evidenciadas constantes oscilações climáticas. Esta interpretação oferece uma relação direta com o quadro natural que conhecemos, razão pela qual o estudo do Quaternário mostra-se fundamental. A técnica de integração cartográfica utilizada e os levantamentos de campo baseiam-se em proposta metodológica conceitual que sugere a evolução policíclica do relevo a partir de oscilações climáticas pretéritas. Esta metodologia de analise da evolução do relevo é definida como Geomorfologia Climática. A pesquisa neste sentido identificou superfícies de aplainamento, que são evidências relacionadas a processos que caracterizem tais oscilações. A área em estudo localiza-se na porção centro-sul do Estado do Paraná, na unidade de paisagem de caráter paleogeográfico (relictual) identificada como Campos Gerais, no Segundo Planalto Paranaense. Para esta pesquisa caracterizaram-se os elementos do meio físico onde se localizam as nascentes do rio Tibagi. Este sistema de drenagem formado no setor mais elevado do relevo de toda a bacia do referido rio foi identificado neste trabalho como Bacia Hidrográfica do Altíssimo Rio Tibagi (BHART); abrangendo uma superfície de 72,93 km2. A base cartográfica para a caracterização do meio físico foi constituída por: orto-imagens e cartas topográficas e geológicas em escala 1:50.000. Os mapas temáticos possibilitaram o entendimento do quadro ambiental do setor avaliado, tendo sido elaborados e manipulados em ambiente de sistema de informação geográfica. Para apoio das análises de gabinete desenvolveram-se atividades de campo e documentação fotográfica. pt_BR
dc.description.abstract This research is aimed to prove the influence of the preterits climatic oscillations on the determination of the origin and on the morphology of the current relief’s sculpture and their implications on the evolution of the landscape. The study is related to the Quaternary Period, of which there are several evidences that show the constant climatic oscillations. This interpretation provides a better explanation about the natural conditions that we know today, which is why the study of the Quaternary is fundamental. The techniques that were proposed integrate cartography and filed activities, with a methodology that suggests the relief develop in a polycyclic process conditioned by preterit climatic oscillations. The research identified flat surfaces in the area of the study, which supply evidences of the climate oscillations influence. The methodology that analyzes the evolution of the relief conditioned by climatic conditions is defined as Climatic Geomorphology. The observed area is located in the south- central region of the Parana State, in a paleogeographic landscape (relict) with special natural features identified as General Fieldland. The research characterized the elements of the physical environment around the springs of the Tibagi’s river. This drainage system, named in this paper as Highest Tibagi’s Hydrographic Basin (HTHB), is located in the highest sector of entire hydrographic basin formed by Tibagi’s river; covering an area of 72.93 km 2. The maps for the characterization of the landscape were structured on: satellite images, topographic and geological charts in scale 1: 50,000. The elaborated thematic maps improve the understanding of the environmental situation of the sector studied, and were prepared and developed by a geographic information system. Field activities and photographic documentation were developed in order to support the research. pt_BR
dc.format 92 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Federal do Paraná pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Meio ambiente::Manejo de bacias hidrográficas pt_BR
dc.title Superfícies aplainadas na bacia hidrográfica do Altíssimo Rio Tibagi - PR pt_BR
dc.type Dissertação pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
dissertaca_Tiago Damas Martins.pdf 10.02Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account