Biblioteca Florestal
Digital

Proposta de um modelo de avaliação multidimensional para programas de Educação Ambiental em áreas naturais protegidas

Show simple item record

dc.contributor.advisor Fonte, Nilce Nazareno da
dc.contributor.author Silva, Liz Buck
dc.date.accessioned 2016-03-11T14:11:29Z
dc.date.available 2016-03-11T14:11:29Z
dc.date.issued 2009
dc.identifier.citation SILVA, L. B. Proposta de um modelo de avaliação multidimensional para programas de Educação Ambiental em áreas naturais protegidas. 2009. 110 f. Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade Federal do Paraná, Curitiba. 2009. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/17161
dc.description Dissertação de Mestrado defendida na Universidade Federal do Paraná pt_BR
dc.description.abstract Um dos grandes desafios da educação ambiental está na urgência do desenvolvimento de uma racionalidade baseada em valores e condutas sociais ambientalmente favoráveis para um mundo em rápida evolução. Essa racionalidade deve propiciar uma visão multidimensional e complexa que busque superar a visão fragmentada do mundo e da realidade, além de situar o sujeito contextualmente – espacial e temporalmente. Partindo dessas premissas, outro grande desafio posto é a avaliação e análise das repercussões de atividades de educação ambiental em vários âmbitos. Para isso não é possível recorrer apenas a metodologias lineares e mais simplistas de avaliação, que são herança dos paradigmas reducionistas da ciência moderna e que trazem uma leitura muito específica da realidade avaliada. A necessidade está em propor um exercício mais amplo de avaliação, que contemple as várias dimensões de atuação da Educação Ambiental. A partir disso, a presente dissertação se propõe a desenvolver um modelo de avaliação multidimensional para programas de educação ambiental no contexto de áreas naturais protegidas. O desenvolvimento do trabalho se dá em três etapas. A primeira identifica critérios e indicadores para a avaliação a partir de documentos históricos e oficiais de educação ambiental, de materiais bibliográficos e técnicos sobre o tema e de entrevistas. Na segunda etapa, validam-se os critérios e indicadores via documentos do Programa Ações Sócio–educativas com Funcionários das Reservas Naturais da Sociedade de Pesquisa em Vida Selvagem e Educação Ambiental, desenvolvido na Área de Proteção Ambiental de Guaraqueçaba – PR. Na terceira é elaborada uma matriz de avaliação multidimensional para programas de Educação ambiental em áreas naturais protegidas. Essa matriz se caracteriza como uma ferramenta de avaliação das mudanças ocorridas, prioritariamente, na dimensão humana, pois é nessa dimensão que ocorre o desenvolvimento pessoal e a conseqüente formação de valores almejados pela Educação Ambiental. pt_BR
dc.description.abstract One of the greatest challenges of environmental education is the pressing need to build a rationality based on pro-environmental values and social conduct for a world in rapid evolution. This rationality must foster a multidimensional and complex vision that seeks to overcome the fragmented view of the world and reality, while also placing it in context – spatially and temporarily. Looked at from this angle another major challenge is how to evaluate and analyze the repercussions that environmental education activities have on various spheres. It is not possible to simply rely on linear methodologies and more simplistic evaluations that have been inherited from the reductionist paradigms of modern science, which show a very specific examination of the reality evaluated. There is a need to broaden the scope of evaluations in order to consider the various dimensions of how Environmental Education is carried out. This dissertation therefore proposes to develop a multidimensional evaluation model for environmental education programs in protected natural areas. The work was conducted in three stages. The first identified the criteria and indicators for evaluation based on historical and official environmental education documents, from bibliographical and technical materials on the theme as well as interviews. In the second stage, the criteria and indicators were validated via documents from the Socio–educational Action Program with Employees from the Society for Wildlife Research and Environmental Education nature reserves carried out in the Environmental Protection Area in Guaraqueçaba – PR. In the third stage a multidimensional evaluation matrix was created for environmental education programs in protected areas. This matrix is characterized as an evaluation tool for evaluating the changes that occurred with a focus on the human dimension, as it is in this dimension where personal development occurs and consequently it is possible to build the desired values for Environmental Education. pt_BR
dc.format 110 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Federal do Paraná pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Meio ambiente::Educação ambiental pt_BR
dc.title Proposta de um modelo de avaliação multidimensional para programas de Educação Ambiental em áreas naturais protegidas pt_BR
dc.type Dissertação pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
dissertacao_Liz Buck Silva .pdf 2.095Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account