Biblioteca Florestal
Digital

Aspectos fitossociológicos e pedológicos de três superfícies de agradação do rio Guaraguaçu, litoral do Paraná

Show simple item record

dc.contributor.advisor Kuniyoshi, Yoshiko Saito
dc.contributor.author Svolenski, Augusto César
dc.date.accessioned 2016-03-10T14:16:25Z
dc.date.available 2016-03-10T14:16:25Z
dc.date.issued 2000-04-28
dc.identifier.citation SVOLENSKI, A. C. Aspectos fitossociológicos e pedológicos de três superfícies de agradação do rio Guaraguaçu, litoral do Paraná. 2000. 75 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Florestais) - Universidade Federal do Paraná, Curitiba. 2000. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/17147
dc.description Dissertação de Mestrado defendida na Universidade Federal do Paraná pt_BR
dc.description.abstract Este trabalho, realizado às margens do rio Guaraguaçu, nos municípios de Pontal do Paraná e Matinhos, objetivou detectar as variações florísticas e estruturais de uma comunidade componente de um estágio arbóreo da hidrossere (Formação Pioneira com Influência Fluvial), em relação ao afastamento do rio, situada sobre três superfícies de agradação. Utilizou-se o método de parcelas de área fixa, posicionadas seqüencialmente a partir da margem e em direção oposta ao rio. Amostras de solos foram analisados em laboratório. Os resultados fitossociológicos foram relacionados com os tipos de solo e suas características. Na área predominam os ORGANOSSOLOS HAPLICOS típicos distróficos profundos e, em menor ocorrência, os NEOSSOLOS FLUVICOS Tb distróficos típicos A húmico epi-hístico. Foram identificadas 50 espécies , distribuídas em 22 famílias botânicas. A espécie dominante nas três superfícies foi Myrcia insularis Gardn. (Myrtaceae), com valores de importância muito superiores aos das demais espécies presentes. Constatou-se elevado grau de similaridade entre as comunidades das três superfícies de agradação e alta riqueza florística, esta em função da presença de espécies de comunidades mesófilas vizinhas, porém pouco expressivas em quantidade, e à elevada abundância de M. insularis. A estrutura e a composição florística das comunidades não variaram significativamente com o afastamento das margens do rio, nem com as diferentes classes de solos. Pequenas variações nestes parâmetros são atribuídas a distúrbios naturais (quedas de árvores) e à maior elevação de determinados locais em relação aos demais, proporcionando um período menor de saturação hídrica. De modo geral, os valores de cobertura de Tabebuia cassinoides (Lam.) DC estão inversamente relacionados com os de Myrcia insularis e Marlierea tomentosa Camb., atingindo seus maiores valores próximo às margens do rio, onde a luminosidade é maior. Verificou-se que 20,65% das árvores vivas medidas neste trabalho possuem mais de um fuste, onde M. insularis (54,66%), M. tomentosa (22,30%) e T. cassinoides (4,90%) foram as espécies que possuem os maiores números de indivíduos com esta característica. Para M. insularis, esta estratégia parece estar relacionada com a adaptação em ocupar o ambiente, uma vez que grande parte de suas árvores estava sempre inclinada ou deitada sobre o solo, donde partiam estas rebrotas. Conclui-se que o ambiente seletivo condiciona a um pequeno número de espécies adaptadas, dentre as quais M. insularis, e que a comunidade estudada pode não evoluir para condições mésicas, enquanto predominar a influência constante do rio Guaraguaçu, podendo ser considerada o estágio de equilíbrio para o ambiente atual. pt_BR
dc.description.abstract This study was developed on the Guaraguaçu river alluvial plain, in Paranaguá and Matinhos cities, Paraná State coastal plain. The aim of this paper is to detect the floristic and structural differences in a tree community, which compounds a hydrosere stage, related to the distance of riverbanks, on the three river deposition surfaces. The sample method was the fixed area plots with 200m 2 each, sequentially positioned from the riverbank to the opposite direction. Soils was sampled and analysed in laboratory. Phytosociological results was related to soils results. In study area, predominates the Organic and Alluvial soils, both distrofic. Was found 50 species and 22 botanic families. The dominant species in all communities was Myrcia insularis Gardn. (Myrtaceae) with Importance Value very higher than another species. Was found high similarity degrees among the three river curves studied and high species richness, this because the presence of mesofits species from adjacent communities, but with unequal relative distribution, because its low quantitative expression, and high abundance of M. insularis. The structure and floristic composition along the plots and among curves, didn't show significant differences related to distance from riverbanks, nor with the differents soils. Little oscillations of these parameters are attributed to natural disturbances (like tree falls) and to the higher elevation of some sites than otherwhere, where the submersion period is shorter and the underground water is deeper. The Cover Value of Tabebuia cassinoides (Lam.) DC is inversely related to the M. insularis and Marlierea tomentosa Camb., and reach higher values near riverbanks, where the lightness is better. Was verified that 20,65% of living trees have more than one trunk. M. insularis (54,66%), M. tomentosa (22,30%) and T. cassinoides (4,90%) were the species with high trunks number. To M. insularis, this characteristic may be related to the environment occupation, because a great lot of its trees was ever inclined or fallen on the ground, where occurs sprouts. Conclusion is that the selective environment select a low number of adapted species, like M. insularis, able to regenerate it by sprouts, and that the studied community perhaps do not evolve to mesic conditions, because the Guaraguaçu river influences, and it may be considered a "in equilibrium" community to this environment. pt_BR
dc.format 75 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Federal do Paraná pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Dendrologia e fitossociologia pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Solos e nutrição florestal pt_BR
dc.title Aspectos fitossociológicos e pedológicos de três superfícies de agradação do rio Guaraguaçu, litoral do Paraná pt_BR
dc.type Dissertação pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
dissertacao_Augusto Cesar Slovenski.pdf 3.091Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account