Biblioteca Florestal
Digital

Predição da distribuição diamétrica, mortalidade e recrutamento de floresta natural com matriz Markoviana de potência

Show simple item record

dc.contributor.author Sanquetta, Carlos Roberto
dc.contributor.author Ângelo, Humberto
dc.contributor.author Brena, Doádi Antônio
dc.contributor.author Mendes, Jefferson Bueno
dc.date.accessioned 2016-03-03T11:58:03Z
dc.date.available 2016-03-03T11:58:03Z
dc.date.issued 1994
dc.identifier.citation SANQUETTA, C. R. et al. Predição da distribuição diamétrica, mortalidade e recrutamento de floresta natural com matriz Markoviana de potência. Floresta, Curitiba, v. 24, n. 1/2, p. 23-36. 1994. pt_BR
dc.identifier.issn 1982-4688
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/17045
dc.description.abstract A projeção da distribuição diamétrica, mortalidade e recrutamento de uma floresta natural no Japão foi estimada a partir de dados de parcela permanente coletados no período de 1984 a 1993. O método usado foi a matriz de transição Markoviana & partir dos dados do período 1984 a 1987 e as predições futuras foram feitas sobre as Observações de 1984 pela matriz quadrática de transição e pela matriz cúbica, respectivamente para 1990 e 1993. Como resultado verificou-se que as estimativas pelas matrizes quadrática e cúbica não diferem significativamente do número real de árvores por classe diamétrica e para o recrutamento, mas a mortalidade tendeu ser subestimado pelas predições. Em geral o modelo foi considerado satisfatório. Apesar de algumas deficiências identificadas neste estudo, pôde-se concluir que a matriz Markoviana de potência e uma técnica viável para predição da dinâmica de uma floresta natural e, consequentemente, um instrumento útil para auxiliar o manejador. pt_BR
dc.description.abstract Predicting diameter distribution, mortality and ingrowth in a natural forest with & power Markov matrix. A model for predicting the future diameter distribution, the number of dead trees and ingrowth in each class was developed using DBH data collected during 1984 to 1993 from a permanent plot of natural forest in Japan. A model based on the Markov transition matrix over date from 1984 and 1987 was constructed. Predictions for 1990 and 1993 were done based on the two and three-step matrices, respectively. The Chi-square test showed that there was no significance between the predicted and observed frequencics per diameter class, as well as for ingrowth. However. there was significant difference between the predicted and observed frequencies of dead trees, resulting in underestimated predictions of mortality over time. ln general the predictions given by the model were reliable. Despite some deficiencies, it was concluded that the Markov matrix is a powerful and useful tool for prediction of dynamics of natural forests as well as for its management. pt_BR
dc.format 14 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Fundação de Pesquisas Florestais do Paraná pt_BR
dc.relation.ispartofseries v.24, n.1/2 (1994);
dc.subject.classification Ciências Florestais::Manejo florestal::Dendrometria e mensuração florestal pt_BR
dc.title Predição da distribuição diamétrica, mortalidade e recrutamento de floresta natural com matriz Markoviana de potência pt_BR
dc.title Predicting diameter distribution, mortality and ingrowth in a natural forest with & power Markov matrix pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Revista_Floresta_v24_n12_p23-36_1994.pdf 420.4Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account