Biblioteca Florestal
Digital

Comparação de diferentes densidades de feijão guandu (Cajanus cajan (L.) Millsp.) na restauração florestal de uma área de reserva legal no Pontal do Paranapanema, SP

Show simple item record

dc.contributor.author Beltrame, Tiago Pavan
dc.contributor.author Rodrigues, Efraim
dc.date.accessioned 2016-01-29T13:31:27Z
dc.date.available 2016-01-29T13:31:27Z
dc.date.issued 2008-12
dc.identifier.citation BELTRAME, T. P.; RODRIGUES, E. Comparação de diferentes densidades de feijão guandu (Cajanus cajan (L.) Millsp.) na restauração florestal de uma área de reserva legal no Pontal do Paranapanema, SP. Scientia Forestalis, Piracicaba, v. 36, n. 80, p. 317-327, dez. 2008. pt_BR
dc.identifier.issn 2318-1222
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/16822
dc.description.abstract A crescente redução da área das florestas tropicais, em especial a Mata Atlântica, vem causando graves conseqüências ambientais em sua área original de ocorrência. Muitos desses danos podem ser revertidos pela recuperação de florestas, sendo o custo dessa operação um dos principais fatores limitantes. Esses fatores tornam necessário o desenvolvimento de novos modelos de restauração florestal. O objetivo deste estudo foi avaliar alternativas de acelerar a restauração de florestas tropicais. As hipóteses testadas são: o plantio consorciado de feijão guandu pode beneficiar as espécies arbóreas plantadas; e o benefício depende da densidade do guandu. O feijão guandu foi semeado nas linhas entre árvores nativas plantadas em espaçamento 2 m x 4 m. Aos 22 e aos 34 meses após o plantio, foram avaliados quatro tratamentos: plantio sem guandu (SG) (testemunha), duas plantas de guandu entre as árvores (2G), raleação de uma planta de guandu aos seis meses, mantendo-se uma planta entre as árvores (1G) e corte raso das duas plantas de guandu aos seis meses após o plantio (CRG). Para a coleta dos dados foram sorteadas 100 árvores em cada tratamento. Os resultados mostraram aumento da altura das árvores nativas na presença de guandu. Aos 34 meses após o plantio, a área basal total do tratamento com a proporção de duas plantas de guandu para cada árvore foi menor do que no tratamento com uma planta. A mortalidade de espécies pioneiras sem guandu foi muito superior à mortalidade das não-pioneiras na mesma condição. O solo próximo a plantas de feijão guandu teve conteúdo de matéria orgânica maior e teor de fósforo menor do que a testemunha. O estudo aponta para efeitos positivos e negativos entre o consórcio de feijão guandu com plantas nativas, desta forma, a primeira hipótese é refutada e a segunda hipótese está correta. pt_BR
dc.description.abstract Increasing reductions of tropical forests, especially in the Mata Atlântica bioma, have led to serious environmental consequences. However, there is a great need for new restoration models in tropical forestry. The aim of this work was to evaluate alternatives to accelerate restoration and decrease costs for such restoration. Pigeon pea may help ecological restoration. The main hypothesis was that different densities of Cajanus cajan can promote ecological restoration. Cajanus cajan was interplanted with native trees in a 2 x 4 m spacing. After 22 and 34 months of planting, four different treatments were evaluated. The treatments were: no guandu between tree lines; two seeds between tree lines; elimination of the one guandu plant after six months of planting and complete elimination of the two guandu plants after six months of planting. For data collection 100 trees were chosen by chance in each treatment. The results showed an increase in height where Cajanus cajan was present. 34 months after planting the total basal area of native trees planted close to two pigeon pea plants were significantly smaller when compared to those planted close to one pigeon pea per tree. The mortality of pioneer species without pigeon pea was significantly superior to the mortality of non-pioneer species in the same condition. The soil structure around Cajanus cajan showed a larger content of organic matter and less phosphorus, when compared to the testimony treatment. This study suggests negative and positive effects for the intercropping of Cajanus cajan and the native trees; therefore the first hypothesis is refuted and the second hypothesis is not. pt_BR
dc.format 11 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais pt_BR
dc.relation.ispartofseries Scientia Forestalis:v.36,n.80;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Meio ambiente::Recuperação de áreas degradadas pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Sistemas agroflorestais pt_BR
dc.title Comparação de diferentes densidades de feijão guandu (Cajanus cajan (L.) Millsp.) na restauração florestal de uma área de reserva legal no Pontal do Paranapanema, SP pt_BR
dc.title Comparing different densities of pigeon pea (Cajanus cajan (L.) Millsp.) for restoration of forest reserves in Pontal do Paranapanema, SP pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Scientia_Forestalis_v36_n80_p317-327_2008.pdf 724.7Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account