Biblioteca Florestal
Digital

Uso do dendrograma de manejo de densidade: uma aplicação prática com Hovenia dulcis Thunberg

Show simple item record

dc.contributor.author Selle, Gerson Luiz
dc.contributor.author Vuaden, Elisabete
dc.contributor.author Braz, Evaldo Muñoz
dc.contributor.author Cunha, Thiago Augusto da
dc.date.accessioned 2015-12-15T13:45:22Z
dc.date.available 2015-12-15T13:45:22Z
dc.date.issued 2010-06
dc.identifier.citation SELLE, G. L. et al. Uso do dendrograma de manejo de densidade: uma aplicação prática com Hovenia dulcis Thunberg. Scientia Forestalis, Piracicaba, v. 38, n. 86, p. 247-254, jun. 2010. pt_BR
dc.identifier.issn 2318-1222
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/16455
dc.description.abstract O objetivo principal deste trabalho é fazer uma aplicação prática dos dendrogramas de manejo de densidade em uma população de Hovenia dulcis localizada na região central do estado do Rio Grande do Sul. Para tanto, foram utilizados dados de um povoamento de Hovenia dulcis de aproximadamente 1,3 hectares com 25 anos de idade, localizado em área da Fundação de Pesquisa Agropecuária (FEPAGRO). O dendrograma de densidade utilizado para a simulação das intervenções foi elaborado por Selle (2009), para o local e espécie. Estabeleceu-se que a melhor forma de conduzir o povoamento é com a aplicação de duas intervenções silviculturais, sendo uma aplicada imediatamente e outra, quando o diâmetro da árvore de área basal média atingir 27 cm. No primeiro desbaste devem ser retiradas 36,6% e no segundo 33,3% das árvores, correspondendo a 33,6 e 45,6% da área basal, respectivamente. pt_BR
dc.description.abstract The main objective of this work is to provide a practical application of the dendrogram for density management in a population of Hovenia dulcis located in the central region of the state of Rio Grande do Sul. For this end data were used from a population of Hovenia dulcis of approximately 1.3 hectares, aged 25 years, located in an area of the Fundação de Pesquisa Agropecuária (FEPAGRO). The dendrogram of density used for the simulation of operations was prepared by Selle (2009), for that site and species. The best way to manage the population is through two silvicultural thinnings, one done immediately and the other when the diameter of the tree mean basal area reaches 27 cm. In the first thinning 36.6 % should be removed and in the second, 33.3% of the trees; corresponding to 33.6 % and 45.6% of the basal area respectively. pt_BR
dc.format 8 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais pt_BR
dc.relation.ispartofseries Scientia Forestalis:v.38,n.86;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Manejo florestal::Manejo de florestas equiâneas pt_BR
dc.title Uso do dendrograma de manejo de densidade: uma aplicação prática com Hovenia dulcis Thunberg pt_BR
dc.title Use of the dendrogram of density management: a practical application with Hovenia dulcis Thunberg pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Scientia_Forestalis_v38_n86_p247-254_2010.pdf 3.060Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account