Biblioteca Florestal
Digital

Efeito da cobertura de Pinus taeda L. na proteção contra geadas e no crescimento de plantas jovens de Eucalyptus dunnii Maiden

Show simple item record

dc.contributor.author Dobner Júnior, Mário
dc.contributor.author Higa, Antônio Rioyei
dc.contributor.author Seitz, Rudi Arno
dc.date.accessioned 2015-10-27T13:03:26Z
dc.date.available 2015-10-27T13:03:26Z
dc.date.issued 2009-10
dc.identifier.citation DOBNER JUNIOR, M.; HIGA, A. R.; SEITZ, R. A. Efeito da cobertura de Pinus taeda L. na proteção contra geadas e no crescimento de plantas jovens de Eucalyptus dunnii Maiden. Floresta, Curitiba, v. 39, n. 4, p. 807-823, out./dez. 2009. pt_BR
dc.identifier.issn 1982-4688
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/15914
dc.description.abstract Este estudo teve como objetivo avaliar os efeitos da cobertura de Pinus taeda na proteção contra geadas e no crescimento de plantas jovens de E. dunnii. O trabalho foi desenvolvido no município de Capão Alto, SC. Três diferentes intensidades de cobertura foram estabelecidas a partir de um povoamento de P. taeda com 23 anos de idade: bordadura (TB), com árvores apenas no perímetro do talhão; 20 (T20) e 50 (T50) árvores por hectare na cobertura. Por último, a testemunha (TCA), onde as plantas de E. dunnii cresceram a céu aberto. Apesar de todas as plantas de E. dunnii apresentarem danos causados por geadas, com temperaturas de até -5 °C, independentemente do tratamento ao qual estavam expostas, conclui-se que o aumento da intensidade de cobertura até 50 árvores de P. taeda por hectare diminui os danos causados por geadas. Quanto maior a intensidade de cobertura, até 50 árvores de P. taeda por hectare, menor é o crescimento em altura e diâmetro do colo do E. dunnii, antes e após as geadas. O sistema de plantio sob cobertura é uma forma de diminuir os danos em plantas de E. dunnii em regiões com invernos severos. pt_BR
dc.description.abstract This paper aimed to evaluate the effects of three Pinus taeda shelterwoods intensities on frost protection and growth of E. dunnii young plants. The study was developed in the district of Capão Alto, SC. Three different shelter intensities were established from a 23 years old P. taeda plantation: trees only in the perimeter of the stand (TB), 20 (T20) and 50 (T50) trees per hectare. The control, a clear-cut (TCA), was also located. Despite plants of E. dunnii were damaged by frosts with temperatures of until -5 °C, independent of the treatment to which they were exposed, the increase of the shelter intensity, until 50 trees per hectare, decreased the damages caused by frosts. It was also verified that as more intensive the shelter, lower was the growth in height and diameter of the E. dunnii, before and after the frosts. This technique is recommended for the establishment of E. dunnii in areas with severe winters. pt_BR
dc.format 17 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Fundação de Pesquisas Florestais do Paraná pt_BR
dc.relation.ispartofseries Floresta:v.39,n.4;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Propagação e fisiologia de espécies florestais pt_BR
dc.title Efeito da cobertura de Pinus taeda L. na proteção contra geadas e no crescimento de plantas jovens de Eucalyptus dunnii Maiden pt_BR
dc.title Effects of a Pinus taeda L. shelterwood on frost protection and growth of Eucalyptus dunnii Maiden young plants pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Revista_Floresta_v39_n4_p807-823_2009.pdf 1.105Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account