Biblioteca Florestal
Digital

Distribuição espacial de Cattleya granulosa Lindl.: uma orquídea ameaçada de extinção

Show simple item record

dc.contributor.author Fajardo, Cristiane Gouvêa
dc.contributor.author Costa, Rosaly de Araújo
dc.contributor.author Vieira, Fábio de Almeida
dc.contributor.author Molina, Wagner Franco
dc.date.accessioned 2015-10-22T13:37:18Z
dc.date.available 2015-10-22T13:37:18Z
dc.date.issued 2015
dc.identifier.citation FAJARDO, C. G. et al. Distribuição espacial de Cattleya granulosa Lindl.: uma orquídea ameaçada de extinção. Floresta e Ambiente, Rio de Janeiro, v. 22, n. 2, p. 164-170. 2015. pt_BR
dc.identifier.issn 2179-8087
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/15771
dc.description.abstract Cattleya granulosa é uma orquídea ameaçada de extinção endêmica da região litorânea do Nordeste do Brasil. Este estudo teve como objetivos avaliar os níveis de agregação espacial em uma população preservada da espécie, em uma área de 4.225 m 2 da unidade de conservação do Parque das Dunas, em Natal, RN. Além de caracterizar o hábito de vida da população, foi utilizada a função de segunda ordem da densidade de vizinhos (NDF) para determinar o padrão espacial nas classes de distância, com o uso do programa SpPack. Quanto ao hábito de vida, 73% das plantas eram epífitas (N = 136) e 27% terrestres (N = 50). As epífitas têm especificidade com um único forófito, indivíduos arbóreos de Eugenia spp. (Myrtaceae). C. granulosa possui padrão espacial agregado, com maior densidade de vizinhos (NDF) no raio de até 5 m. Esses dados sugerem um potencial dispersivo restrito e com influência direta sobre ações de conservação biológica da espécie. pt_BR
dc.description.abstract Cattleya granulosa is an endemic and endangered orchid species of the coastal region of northeastern Brazil. This study aimed to evaluate the levels of spatial aggregation in a preserved population, in an area of 4,225 m 2 of the conservation unit of ‘Parque das Dunas’ Natal, Rio Grande do Norte state, Brazil. We evaluated the life form of the population as well as its neighborhood density factor (NDF) to determine the spatial distribution in distance classes, using the SpPack software program. Regarding the life form, 73% of the plants (N = 136) were epiphyte and 27% were terrestrial (N = 50). The epiphytes present specificity with a single host tree, Eugenia spp. (Myrtaceae). The spatial pattern of Cattleya granulosa is aggregated, with the highest density of neighbors (NDF) within a radius of 5 m. These data suggest restricted dispersion with direct influence on actions for conservation of the species. pt_BR
dc.format 7 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Instituto de Florestas, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro pt_BR
dc.relation.ispartofseries Floresta e Ambiente:v.22,n.2;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Meio ambiente::Ecologia e ecossistemas florestais pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Propagação e fisiologia de espécies florestais pt_BR
dc.title Distribuição espacial de Cattleya granulosa Lindl.: uma orquídea ameaçada de extinção pt_BR
dc.title Spatial distribution of Cattleya granulosa Lindl.: an endangered orchid species pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Revista_Florest ... e_v22_n2_p164-170_2015.pdf 1.497Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account