Biblioteca Florestal
Digital

Variação, herdabilidade e ganhos genéticos em progênies de Eucalyptus tereticornis aos 25 anos de idade em Batatais-SP

Show simple item record

dc.contributor.author Macedo, Hugo Rodrigo
dc.contributor.author Freitas, Miguel Luiz Menezes
dc.contributor.author Moraes, Mário Luiz Teixeira de
dc.contributor.author Zanata, Marcelo
dc.contributor.author Sebben, Alexandre Magno
dc.date.accessioned 2015-10-16T19:27:52Z
dc.date.available 2015-10-16T19:27:52Z
dc.date.issued 2013-12
dc.identifier.citation MACEDO, H. R. et al. Variação, herdabilidade e ganhos genéticos em progênies de Eucalyptus tereticornis aos 25 anos de idade em Batatais-SP. Scientia Forestalis, Piracicaba, v. 41, n. 100, p. 533-540, dez. 2013. pt_BR
dc.identifier.issn 2318-1222
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/15608
dc.description.abstract A madeira do Eucalyptus tereticornis é utilizada para serraria, estruturas, construções, postes, mourões e carvão. O objetivo deste estudo e estimar parâmetros genéticos e correlações genéticas e fenotípicas em caracteres de crescimento e forma de 52 progênies de polinização aberta, coletadas de árvores matrizes de E. tereticornis, em três populações da Austrália (20 progênies de Helenvale, 19 de Ravenshoe e 13 de Mt. Garnet). As progênies foram comparadas com três testemunhas comerciais também provenientes da Austrália. O delineamento experimental utilizado para o ensaio foi o de blocos de famílias compactas, com o efeito de procedência alocado nas parcelas e de progênies dentro de procedências nas sub-parcelas. Foram utilizadas dez repetições dos 52 tratamentos, sub-parcelas compostas por seis plantas e o espaçamento adotado foi o de 3 x 2 m. Aos 25 anos de idade foram medidos os caracteres diâmetro a altura do peito (DAP), a altura total, volume real e a forma das árvores. Foi encontrada variação genética entre e dentro das três procedências. A procedência que apresentou o melhor desenvolvimento em DAP, altura e volume foi a Helenvale. O coeficiente de herdabilidade em nível de média de progênies foi mediano para os caracteres DAP e altura, sendo 0,31 e 0,30, respectivamente. Os caracteres DAP, altura e volume apresentaram altas correlações genéticas (> 0,9), indicando a possibilidade de utilizar-se a seleção indireta. Os ganhos genéticos esperados com a seleção foram estimados em 12,4% para DAP e 8,5% para altura de plantas. Estes resultados subsidiarão a transformação do teste em um Pomar de Sementes por Mudas e formação de um Pomar de Sementes Clonal. pt_BR
dc.description.abstract The wood of Eucalyptus tereticornis is intensively used for timber, structures, buildings, poles, posts and coal. The aim of this study was to estimate genetic parameters and genetic and phenotypic correlations in growth and stem form traits of 52 open-pollinated progenies of E. tereticornis sampled from three Australian populations (20 progenies from Helenvale, 19 from Ravenshoe and 13 from Mt. Garnet). The progenies were compared with three commercial control also from Australian. The experimental design used was the compact family block, with the effect of provenance allocated in the plots and progenies within provenances in the sub-plots. Ten repetitions of the 52 treatments, sub-plots with six plants and the spacing of 3 x 2 m was used. At 25 years of age it was measured the diameter at breast height (DBH), total height, true volume and the stem form. We found genetic variation amon and within the three provenances and the possibility of obtaining high gains from mass selection and individual among and within progenies. The provenance Helenvale showed the best development for DBH, height and volume. The traits DBH, height and volume showed high genetic correlations (> 0.9), indicating the possibility to use the indirect selection. The coefficient of heritability on a progeny mean for the traits DBH and height was median, being 0.31 and 0.30, respectively. The expected genetic gain with the selection were estimated at 12.4% for DBH and 8.5 % for plant height. These results will subsidize the transformation of the provenance and progeny test in a seedling seed orchard and a clonal seed orchard. pt_BR
dc.format 8 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais pt_BR
dc.relation.ispartofseries Scientia Forestalis:v.41,n.100;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Genética e melhoramento florestal pt_BR
dc.title Variação, herdabilidade e ganhos genéticos em progênies de Eucalyptus tereticornis aos 25 anos de idade em Batatais-SP pt_BR
dc.title Variation, heritability and genetic gain in progeny of Eucalyptus tereticornis at 25 years of age in Batatais-SP pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Scientia_Forestalis_v41_n100_p533-540_2013.pdf 505.1Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account