Biblioteca Florestal
Digital

Comparação entre os métodos de amostragem de bitterlich e de área fixa com parcela circular em plantação de Pinus taeda

Show simple item record

dc.contributor.author Druszcz, João Paulo
dc.contributor.author Nakajima, Nelson Yoshihiro
dc.contributor.author Netto, Sylvio Péllico
dc.contributor.author Yoshitani Júnior, Mauro
dc.date.accessioned 2015-10-14T18:25:54Z
dc.date.available 2015-10-14T18:25:54Z
dc.date.issued 2010-10
dc.identifier.citation DRUSZCZ, J. P. et al. Comparação entre os métodos de amostragem de bitterlich e de área fixa com parcela circular em plantação de Pinus taeda. Floresta, Curitiba, v. 40, n. 4, p. 739-754, out./dez. 2010. pt_BR
dc.identifier.issn 1982-4688
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/15513
dc.description.abstract Este estudo objetivou comparar o método de amostragem de Bitterlich e o de área fixa com Parcela Circular. Estes dois métodos foram avaliados quanto à precisão e eficiência na estimativa das variáveis DAP médio, número de árvores, área basal e volume total, por hectare. Foram selecionadas três condições de plantios de Pinus taeda, localizados na fazenda Boa Vista, no município de Carambeí – PR. Na análise simultânea das três condições para as estimativas das variáveis DAP médio e número de árvores, por hectare, o método de amostragem de área fixa com Parcela Circular foi o mais preciso e eficiente. Já para a análise de área basal e volume total, por hectare, o método de amostragem de Bitterlich foi o mais preciso e eficiente. Conclui-se que o método de área fixa com Parcela Circular foi mais preciso e eficiente para a estimativa das variáveis DAP médio e número de árvores, já que se trata de um método no qual a seleção dos indivíduos é proporcional à área da parcela. O método de Bitterlich, por ser um método que faz a seleção dos indivíduos com probabilidade à área basal, foi mais preciso e eficiente para a estimativa das variáveis área basal e volume total. pt_BR
dc.description.abstract This study aimed to compare the Bitterlich sampling method to the fixed area circular plot. These two methods were evaluated with respect to the accuracy and efficiency for estimating the variables mean DBH, number of trees, basal area and total volume per hectare. Three conditions for Pinus taeda plantations were selected. They were located in Boa Vista farm, Carambeí County, State of Paraná. Results showed that the fixed area circular plot was more efficient and accurate to estimate the mean DBH and the number of trees per hectare because it is a method where the trees selection is proportional to the plot area, whereas the Bitterlich method was more efficient and accurate to estimate the basal area and the total volume per hectare because the trees selection is related to the basal area. pt_BR
dc.format 16 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Fundação de Pesquisas Florestais do Paraná pt_BR
dc.relation.ispartofseries Floresta:v.40,n.4;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Manejo florestal::Dendrometria e mensuração florestal pt_BR
dc.title Comparação entre os métodos de amostragem de bitterlich e de área fixa com parcela circular em plantação de Pinus taeda pt_BR
dc.title Comparison between Bitterlich and fixed area circular plot sampling methods in Pinus taeda L plantation pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Revista_Floresta_v40_n4_p739-754_2010.pdf 119.5Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account