Biblioteca Florestal
Digital

Caracterização do conflito de uso e ocupação do solo nas áreas de preservação permanente do rio Apeú, nordeste do Pará

Show simple item record

dc.contributor.author Souza, Shislene Rodrigues de
dc.contributor.author Maciel, Maria de Nazaré Martins
dc.contributor.author Oliveira, Francisco de Assis
dc.contributor.author Jesuíno, Stephan de Almeida
dc.date.accessioned 2015-09-15T18:17:41Z
dc.date.available 2015-09-15T18:17:41Z
dc.date.issued 2012-10
dc.identifier.citation SOUZA, S. R. et al. Caracterização do conflito de uso e ocupação do solo nas áreas de preservação permanente do rio Apeú, nordeste do Pará. Floresta, Curitiba, v. 42, n. 4, p. 701-710, out./dez. 2012. pt_BR
dc.identifier.issn 1982-4688
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/15170
dc.description.abstract Dentro do contexto regional, entende-se que a ocorrência de problemas ambientais causados na região é procedente de uma formação histórica de colonização na Amazônia que desvalorizava os maciços florestais. Nesse sentido, visou-se realizar o mapeamento e a identificação do conflito de uso e ocupação nas áreas de preservação permanente dessa bacia de acordo com o Código Florestal (Lei no 4.771/65) e a Resolução CONAMA no 303, de 2002. A partir de mapas de cobertura vegetal e uso do solo e aplicando-se técnicas de geoprocessamento, chegou-se ao resultado de que as classes solo exposto e pastagem foram as unidades de uso que mais se evidenciaram no local. Dentro do contexto histórico da região, pode-se dizer que as atividades agropecuárias construídas ao longo do tempo não deixaram escapar as áreas de preservação permanente, ainda que o uso indevido de 22% das matas ciliares seja considerado baixo. pt_BR
dc.description.abstract Within the regional context, it is understood that environmental problems occurrence in the region are result of the historical formation of colonization which devalued the massive Amazon forest. Therefore, mapping and identification of the conflict in Permanent Preservation Areas (PPAs) of this basin were performed, according to the Forest Code (Law no. 4.771/65) and the 2002 CONAMA determination registered under the number 303. It was used maps in which the natural cover and soil use were depicted by using GIS techniques, as result exposed soil and pasture revealed as the most apparent ones. Within the historical context of the region, it can be said that long agricultural activities reached the permanent preservation areas, in spite of the level of 22% of riparian areas misusing is considered low. pt_BR
dc.format 10 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Fundação de Pesquisas Florestais do Paraná pt_BR
dc.relation.ispartofseries Floresta:v.42,n.4;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Manejo florestal::Geoprocessamento e sensoriamento remoto pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Meio ambiente::Manejo de bacias hidrográficas pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Manejo florestal::Política e legislação florestal pt_BR
dc.title Caracterização do conflito de uso e ocupação do solo nas áreas de preservação permanente do rio Apeú, nordeste do Pará pt_BR
dc.title Conflict characterization over the use and occupation of soil in permanent conservation areas of river Apeú, northeastern Pará pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Revista_Floresta_v42_n4_p701-710_2012.pdf 235.2Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account