Biblioteca Florestal
Digital

Modelagem da produção de sortimentos em povoamentos de eucalipto

Show simple item record

dc.contributor.author Mendonça, Adriano Ribeiro de
dc.contributor.author Calegario, Natalino
dc.contributor.author Silva, Gilson Fernandes da
dc.contributor.author Souza, Agostinho Lopes de
dc.contributor.author Trugilho, Paulo Fernando
dc.contributor.author Carvalho, Samuel Pádua Chaves e
dc.contributor.author Possato, Ernani Lopes
dc.date.accessioned 2015-08-10T19:51:18Z
dc.date.available 2015-08-10T19:51:18Z
dc.date.issued 2014
dc.identifier.citation MENDONÇA, A. R. et al. Modelagem da produção de sortimentos em povoamentos de eucalipto. Cerne, Lavras, v. 20, n. 4, p. 587-594. 2014. pt_BR
dc.identifier.issn 0104-7760
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/14812
dc.description.abstract Objetivou-se, no presente trabalho, avaliar modelos para estimar a produção de sortimentos de plantios clonais do híbrido Eucalyptus camaldulensis x Eucalyptus urophylla com espaçamento 3 x 3 m, localizados em Paraopeba, Minas Gerais, Brasil. Para estimar a produção em área basal e volume dos sortimentos de povoamentos, foram utilizados dados parcelas permanentes. Para estimar o volume dos sortimentos, foram analisados o modelo logístico com adição de covariáveis e o modelo de Clutter. Para a seleção do modelo mais preciso, foram utilizadas as estatísticas erro padrão relativo [Syx (%)], viés (V), média das diferenças (MD), desvio padrão das diferenças (DPD) e análise gráfica dos resíduos. De acordo com as análises, o modelo Logístico obteve o melhor resultado para estimar a produção em volume de madeira para energia e celulose. A metodologia de estimação da produção de sortimentos de plantações florestais analisada foi de fácil aplicação e precisa. pt_BR
dc.description.abstract The aim of this study was to evaluate models to estimate the assortment yield of clonal Eucalyptus camaldulensis x Eucalyptus urophylla hybrid plantations with 3 x 3 m spacing in the Paraopeba city, Minas Gerais, Brazil. To estimate basal area and volume of the assortment yield data from permanent plots was used. To estimate the volume of assortments, we analyzed the logistic model with covariates and the Clutter model. The statistical standard error [Syx (%)], bias (V), average of the differences (MD), and standard deviation of the differences (DPD), as well as the graphical analysis of the residuals were used to select the most accurate model. According to the analysis, the Logistic model obtained the best results for estimation of the yield in wood volume for energy and pulpwood. The methodology to estimate assortment of forest plantations was considered easy to use and accurate. pt_BR
dc.format 8 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Federal de Lavras pt_BR
dc.relation.ispartofseries Cerne:v.20,n.4;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Manejo florestal::Dendrometria e mensuração florestal pt_BR
dc.title Modelagem da produção de sortimentos em povoamentos de eucalipto pt_BR
dc.title Modeling of assortment yields in eucalyptus stands pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Cerne_v20_n4_p587-594_2014.pdf 915.6Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account