Biblioteca Florestal
Digital

Germinação, cultivo in vitro e tolerância ao congelamento de sementes de angico-vermelho (Anadenanthera colubrina (Vell.) Brenan)

Show simple item record

dc.contributor.advisor Alvarenga, Amauri Alves de
dc.contributor.author Nery, Fernanda Carlota
dc.date.accessioned 2015-06-01T18:36:45Z
dc.date.available 2015-06-01T18:36:45Z
dc.date.issued 2008-08-29
dc.identifier.citation NERY, F. C. Germinação, cultivo in vitro e tolerância ao congelamento de sementes de angico-vermelho (Anadenanthera colubrina (Vell.) Brenan). 2008. 217 f. Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Federal de Lavras, Lavras. 2008. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/14002
dc.description Tese de Doutorado defendida na Universidade Federal de Lavras pt_BR
dc.description.abstract A espécie Anadenanthera colubrina (Vell). Brenan, angico-vermelho, é uma Mimosaceae, de porte arbóreo, utilizada na arborização de pastos, madeira, carvão e em curtumes, devido ao alto teor de tanino de sua casca. Os estudos de germinação e as técnicas de propagação de sementes de espécie nativas florestais assumem papel relevante nas pesquisas científicas, objetivando a preservação e a utilização das plantas potencialmente econômicas e de interesse diversificado. As técnicas de criopreservação têm sido utilizadas na conservação a longo prazo de sementes dessas espécies em bancos de germoplasma. Objetivou-se estudar os aspectos morfoanatômicos e fisiológicos da germinação de sementes, cultivo in vitro e tolerância ao congelamento de eixos embrionários de A. colubrina. Concluiu-se que a anatomia seminal de A. colubrina é típica das leguminosas, especialmente considerando-se a subfamília Mimosoideae. O número de sementes por fruto é, em média, de 10 e o peso de mil sementes de 118 g. A composição química das sementes se caracteriza pela presença de elevados teores de proteína, seguidos de extrato etéreo e baixo conteúdo de amido. As sementes não apresentam dormência tegumentar e a maior porcentagem de germinação ocorre a 30oC, 15°C-25oC e 20°C-30oC, sendo as sementes indiferentes à luz. Os substratos areia e Plantmax® são eficientes na avaliação do desenvolvimento de plântulas. O uso de paraformaldeído por 120 minutos é eficiente na desinfestação de eixos embrionários. Todos os meios de cultura testados são eficientes para a germinação in vitro de eixos embrionários e a formação de plântulas normais. No entanto, é observada baixa taxa de sobrevivência ex vitro. O uso de BAP promove resposta eficiente na indução de brotações em segmentos nodais. O AIB e a caseína hidrolisada, nas concentrações testadas, não induzem a rizogênese em brotações. Na ausência de 2,4-D, a calogênese é ausente, comprovando a necessidade da adição do mesmo no meio de cultura. Segmentos caulinares, foliares e embrionários são explantes ideiais para a indução de calogênese. Os eixos embrionários de A. colubrina apresentam comportamento ortodoxo quanto à tolerância ao congelamento, podendo ser conservados em temperaturas inferiores a zero, por longos períodos. pt_BR
dc.description.abstract The species Anadenanthera colubrina (Vell). Brenan, red angico, is a Mimosaceae, of tree port , used in the tree planting of pastures, wood, coal and tannery, because of its high content of tannin in its bark. The seeds germination studies and propagation techniques of native forest species have a relevant role in scientific researches, aiming to preserve and use these plants potentially economic and with diverse interests. The cryopreservation techniques have been used to the long-term preservation of seeds of these species in germoplasm banks. It was aimed the study of the morphological anatomical and physiological aspects of the seeds germination, the in vitro cultivation and the freezing tolerance of A. colubrine embryonic axes. It was concluded that the seminal anatomy of A. colubrina is typical of legumes, mainly considering the subfamily Mimosoideae. The number of seeds in each fruit is in average 10, and the weight of one thousand seeds is 118 g. The chemical composition of the seeds is characterized by the presence of high contents of proteins followed by ether extract, and a low content of starch. The seeds did not presented tegumentar dormancy and the highest germination percentage was verified at 30oC, 15°C-25oC and 20°C-30oC, being the seeds indifferent to light. The substrates sand and Plantmax® are effective in assessing the seedlings development. The use of Paraformaldehyde for 120 minutes is effective to the desinfestation of embryonic axes. All the culture media are effective to the in vitro germination of embryonic axes and to the formation of normal seedlings, however, it is observed a low ex vitro surviving rate. The use of BAP promotes efficient response of shoots induction in nodal segments. The IBA and hydrolyzed casein in the concentrations tested, did not induced the shoots rooting. In the absence of 2,4-D, it is not observed the callus formation, confirming the necessity of its use in the culture medium. Stem segments, leaves and embryonic explants are ideal to the callus induction. The embryonic axes of A. colubrina presents an ortodhox behaviour to freezing, and can be preserved under temperatures below zero for long periods. pt_BR
dc.format 217 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Federal de Lavras pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Sementes florestais pt_BR
dc.title Germinação, cultivo in vitro e tolerância ao congelamento de sementes de angico-vermelho (Anadenanthera colubrina (Vell.) Brenan) pt_BR
dc.title Germination, in vitro cultivation and freezing tolerance of red angico seeds (Anadenanthera colubrina (Vell.) Brenan) pt_BR
dc.type Tese pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Tese_Fernanda Carlota Nery.pdf 3.172Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account