Biblioteca Florestal
Digital

Estudo paisagístico ambiental utilizando conceitos de função ecológica de espécies nativas e exóticas para o conforto bioclimático no Campus UnB Planaltina-DF

Show simple item record

dc.contributor.advisor Ribeiro, Rômulo José da Costa
dc.contributor.author Silva, Hugo César Alves da
dc.date.accessioned 2015-05-21T19:03:05Z
dc.date.available 2015-05-21T19:03:05Z
dc.date.issued 2014-06-24
dc.identifier.citation SILVA, H. C. A. Estudo paisagístico ambiental utilizando conceitos de função ecológica de espécies nativas e exóticas para o conforto bioclimático no Campus UnB Planaltina-DF. 2014. 82 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Faculdade UnB Planaltina, Universidade de Brasília, Brasília. 2014. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/13840
dc.description Trabalho de Conclusão de Curso defendido na Faculdade UnB Planaltina - Universidade de Brasília pt_BR
dc.description.abstract No cenário de debates sobre cidades sustentáveis, este trabalho apresenta uma ideia para se pensar a arborização, o paisagismo e o bioclimatismo urbanos de modo que mitiguem impactos sobre o ecossistema urbano. Sendo assim, o uso de espécies nativas para esses fins não apenas agrega uma peculiaridade entre as diferentes regiões urbanas, como contribui para um plano de conservação de espécies nativas ex situ além de contribuir com funções ecossistêmicas locais. Entretanto, algumas espécies exóticas podem ser eventualmente usadas desde que seus serviços ou funções ecológicas sejam maiores do que seus impactos. Sob esta óptica este trabalho analisou um dos prédios do campus UnB Planaltina da Universidade de Brasília com o objetivo de propor um plano de arborização e paisagismo que contribuísse para o conforto térmico interno no prédio bem como mitigasse impactos ambientais no bioma Cerrado no qual está inserido. Dessa forma, foi elaborado um plano ao constatar por enquete e medições térmicas que a população do campus da Universidade de Brasília em Planaltina –FUP deseja um melhor espaço de lazer e arborização bem como a necessidade de uma intervenção bioclimática, que principalmente levasse em consideração espécies do Cerrado. Assim foi elaborada uma tabela com as principais espécies (nativas e exóticas ao cerrado) a serem utilizadas no plano de intervenção no campus UnB Planaltina, levando em consideração sua função ecológica. Assim na fachada Leste do prédio optou-se pela espécie Tabebuia serratifolia, por ser nativa do cerrado e sua beleza florística para o paisagismo esterno, na fachada Oeste optou-se pela Sucupira Preta Bowdichia virgilioides e o uso da espécie tropical Azadirachta indica, para tanto intervir bioclimaticamente nesta fachada que apresentou maior absorção de calor, como para prevenir o prédio da ação de insetos indesejáveis por meio da função ecológica do Nim de repelir algumas espécies de inseto, já na fachada Sul sugeriu-se a espécie do cerrado Schinus molle, para o paisagismo esterno da fachada ,enquanto que para nos jardins no interior do prédio optou-se pela Lavandula angustifolia, tanto por seu aroma e beleza para os jardins internos como por sua conhecida ação inseticida, contribuindo assim para o alcance do objetivo do trabalho. pt_BR
dc.description.abstract In the discussion on sustainable cities scenario, this study presents an idea to think about afforestation, landscaping and urban bioclimatism in order to mitigate impacts on the regional ecosystem. However, some exotic species may eventually be used as long as their services or ecological functions are greater than its impacts. From this perspective this study examined one of the buildings campus of the University of Brasília in Planaltina city, in order to propose a plan for tree planting and landscaping that contribute to the internal thermal comfort in the building as well as relieve environmental impacts in the Savannah biome in which it is inserted. Thus, a plan was made to see by questionnaire and thermal measurements that the population of the campus want a better leisure space and greening as well as the need for a bioclimatic intervention, which mainly take into consideration savannah species. So it was elaborated a table with the main (the savannah native and exotic) species to be used in the intervention plan in Planaltina UnB campus, considering their ecological function. Thus in the East facade of the building was decided to serratifolia Tabebuia species because it native to the savannah and its floristic beauty to the sternum landscaping, the face West chose to Bowdichia virgilioides and the use of tropical Azadirachta indica, to intervene both bioclimaticaly this face that showed greater absorption of heat, and to prevent the building from the action of unwanted insects through ecological function Neem repel some species insect, already in the south façade suggests to from the savannah Schinus molle, for the external face of landscaping, while for the gardens inside the building it was decided to use Lavandula angustifolia, both for its fragrance and beauty to the internal gardens as known for its insecticidal action, thus contributing to the achievement of the objective of the work. pt_BR
dc.format 82 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade de Brasília pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Meio ambiente::Planejamento paisagístico pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Meio ambiente::Gestão ambiental pt_BR
dc.title Estudo paisagístico ambiental utilizando conceitos de função ecológica de espécies nativas e exóticas para o conforto bioclimático no Campus UnB Planaltina-DF pt_BR
dc.type TCC pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
2014_Hugo-Cesar-Alves-da-Silva.pdf 2.685Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account