Biblioteca Florestal
Digital

Ensaios não destrutivos para avaliar o desempenho de madeiras amazônicas tratadas quimicamente

Show simple item record

dc.contributor.advisor Costa, Alexandre Florian da
dc.contributor.author Teles, Ricardo Faustino
dc.date.accessioned 2015-05-12T17:55:12Z
dc.date.available 2015-05-12T17:55:12Z
dc.date.issued 2014-04-25
dc.identifier.citation TELES, R. F. Ensaios não destrutivos para avaliar o desempenho de madeiras amazônicas tratadas quimicamente. 2014. 195 f. Tese (Doutorado em Ciências Florestais) - Faculdade de Tecnologia, Universidade de Brasília, Brasília. 2014. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/13696
dc.description Tese de doutorado defendida na Faculdade de Tecnologia da Universidade de Brasília pt_BR
dc.description.abstract O presente estudo teve como objetivo avaliar o uso e viabilidade de quatro diferentes técnicas de ensaio não destrutivo em campo de apodrecimento e em ensaios de intemperismo acelerado em laboratório utilizando as madeiras de marupá (Simarouba amara), tauari (Couratari sp.) e cumaru (Dipteryx odorata) sem tratamento químico e tratadas quimicamente com o preservante arseniato de cobre cromatado (CCA) tipo C. Para tanto, as madeiras foram usinadas em amostras no formato de estacas para a exposição em campo de apodrecimento e em réguas retangulares para o ensaio de intemperismo acelerado. O tratamento preservativo foi realizado em autoclave industrial sob pressão com CCA-C por meio do processo Bethell de célula cheia. Os métodos empregados para a avaliação não destrutiva foram a técnica de ondas de tensão, ondas ultrassônicas, colorimetria e análise da superfície pela rugosidade. Foi observado que somente as madeiras de marupá e tauari apresentaram penetração e retenção da solução de CCA-C na porção permeável do cerne, sendo o cumaru não impregnado através do processo Bethell. Embora o tratamento químico com a solução preservante CCA tipo C tenha diminuído a velocidade de propagação das ondas de tensão e ultrassônicas nas madeiras de marupá, tauari e cumaru, esse protegeu as madeiras tratadas, permanecendo a propagação das ondas pouco alteradas durante o período de dois anos de exposição no campo de apodrecimento. Os métodos de avaliação não destrutivos apresentaram-se como ferramentas úteis e viáveis para o uso em campo de apodrecimento. Foi possível estabelecer uma proposta de velocidades de propagação para os métodos de ondas de tensão e ultrassônico como metodologia alternativa à avaliação visual. A solução preservante modificou os parâmetros colorimétricos e da rugosidade de todas as madeiras estudadas. Entretanto, proporcionou resistência ao intemperismo acelerado, protegendo a superfície das madeiras do efeito deteriorador do foto-intemperismo e da ação da água. pt_BR
dc.description.abstract The present study aimed to evaluate the use and feasibility of different techniques of nondestructive testing in a test site and in laboratory accelerated weathering tests using the woods of marupá (Simarouba amara), tauari (Couratari sp.) and cumaru (Dipteryx odorata ) without any chemical treatment and chemically treated with copper-chromated-arsenate preservative (CCA) type C. For this purpose, the wood samples were sawn in stakes formats for the use in test site and in rectangular strips for the accelerated weathering. The preservative treatment was carried out on an industrial full cell cycle under pressure with CCA-C (Bethell). The methods employed for the nondestructive evaluation technique were the stress waves, ultrasound, colorimetry and analysis of the surface by roughness. It was observed that only marupá and tauari woods were penetrated and presented retention of CCA- C solution on the permeable portion of the heartwood, and cumaru was not impregnated by the full cell cycle. Although chemical treatment with the preservative solution decreased the speed of propagation of ultrasonic and stress waves and in all woods, the chemical solution protected the treated timbers, remaining a little change on the waves propagation during the period of two years exposure in the field test. The nondestructive evaluation methods presented as useful and feasible tools for use in the test site. It was possible to establish a proposal for wave propagation for methods of stress waves and ultrasound as an alternative to visual assessment methodology. The preservative solution modified colorimetric and roughness of all parameters studied woods. However, it provided resistance to accelerated weathering, protecting the surface of the wood from the effect of photodegradation and water action. pt_BR
dc.format 195 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Faculdade de Tecnologia, Universidade de Brasília pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Tecnologia e utilização de produtos florestais::Tratamento da madeira pt_BR
dc.title Ensaios não destrutivos para avaliar o desempenho de madeiras amazônicas tratadas quimicamente pt_BR
dc.title Nondestructive tests to evaluate the perfomance of treated amazonian woods pt_BR
dc.type Tese pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Tese_Ricardo Faustino Teles.pdf 6.243Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account