Biblioteca Florestal
Digital

Banco de sementes do solo em áreas de mineração e do entorno

Show simple item record

dc.contributor.advisor Silva, Edvaldo Aparecido Amaral da
dc.contributor.author Maia, Vitor Oliveira
dc.date.accessioned 2015-04-14T17:52:04Z
dc.date.available 2015-04-14T17:52:04Z
dc.date.issued 2014-07-31
dc.identifier.citation MAIA, V. O. Banco de sementes do solo em áreas de mineração e do entorno. 2014. 49 f. Dissertação (Mestrado em Ciência Florestal) - Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Botucatu. 2014. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/13369
dc.description Dissertação de mestrado defendida na Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” pt_BR
dc.description.abstract A constante pressão sofrida pelas áreas de vegetação nativa, causada pela ação antrópica, requerem estudos que visem aperfeiçoar as técnicas de conservação e a restauração ambiental. Desta forma torna-se importante o estudo do banco de sementes do solo de áreas mineradas, para possibilitar maior compreensão da composição do solo, seu potencial para a regeneração natural, sucessão ecológica e possível impacto da atividade sobre o solo. Portanto, o presente trabalho teve como objetivo conhecer a composição florística do banco de sementes do solo (na serrapilheira e a cinco cm de profundidade) de uma área minerada (região coberta por Capim Gordura) e de seu entorno (Mata Atlântica, Cerrado, Canga e populações de Eucalipto) e avaliar a contribuição em sementes do entorno na área minerada pela companhia Vale no município de Sabará, Minas Gerais, Brasil. Os pontos de coleta foram definidos através de uma Amostragem Aleatória e Sistemática (AAS), totalizando quatro pontos para cada tipo de composição vegetal. Em cada ponto de coleta foram realizadas duas repetições igualmente espaçadas a 20 metros, sempre no sentido Leste-Oeste. Em cada repetição foi coletado a serrapilheira e o solo com o uso de um gabarito vazado de 25cm x 25cm x 5cm . A serrapilheira foi coletada manualmente e o solo foi coletado após a penetração do gabarito até atingir cinco cm de profundidade. Todas as amostras coletadas foram armazenadas em sacos plásticos de 100 litros e identificadas. Após a coleta as amostras foram mantidas em salas climatizadas a 20°C e, em seguida, transferidas para vasilhas plásticas e mantidas em viveiro. No viveiro as amostras foram protegidas com telas de 50% de sombreamento. As amostras foram monitoradas diariamente e a cada quinze dias foi realizado a contagem das plântulas emergidas e a identificação das espécies. Conclui-se que o banco de sementes amostrado (serrapilheira e solo a 5 cm de profundidade) apresentou 885 plântulas emergidas, distribuídas em 55 espécies e 22 famílias, com predominância de plantas daninhas e espécies herbáceas. As cinco espécies mais abundantes foram Melinis minutiflora P. Beauv. da família Poaceae (52,54%), Panicum maximum Jacq. CV. Colonião da família Poaceae (8,70%), Sida rhombifolia L. da família Malvaceae (3,84%), Eragrostis pilosa (L.) P. Beauv. da família Poaceae (3,16%) e Spermacoce latifolia Aubl. da família Rubiaceae (2,49%). As espécies não lenhosas representaram 92,09% e a lenhosas 7.91% do banco de sementes, sendo observado que as composições de entorno não contribuíram na composição do banco de sementes da área minerada. pt_BR
dc.description.abstract The constant pressure under native vegetation, caused by human activities, requires studies aimed at the improving of conservation techniques and environmental restoration. Therefore, it is important to study the soil seed bank composition in mined areas, enabling greater understanding of soil composition, its potential for natural regeneration, ecological succession and possible impacts of this activity on the ground. This study aimed to identify the floristic composition of the soil seed bank (in the litter and at five cm deep) of a mined area (area covered by fat grass) and its surroundings (Atlantic Forest, Cerrado, Canga and populations of Eucalyptus) and evaluate the contribution of the surrounding seeds in the mined area by Vale company in the city of Sabará, Minas Gerais, Brazil. The collection points were defined by a Random and Systematics Sampling (RSS), totaling four points for each type of vegetation composition. In each collection point were performed two repetitions equally spaced at 20 meters, always in the East-West direction. In each repetition was collected litter and soil using a gauging device of 25cm x 25cm x 5cm. Litter was collected manually and the soil was collected after penetration feedback up to five cm deep. All collected samples were stored in plastic bags of 100 liters and identified. After collection the samples were kept in climatized rooms at 20 ° C and then transferred to plastic pots and maintained in the nursery. In the nursery the samples were protected with 50% shading screens. Samples were monitored daily and in each 15 days was conducted the count of emerged seedlings and species identification. It is concluded that the soil seed bank (litter and soil at 5 cm deep) showed 885 emerged seedlings, distributed in 55 species and 22 families, with a predominance of weeds and herbaceous species. The five most abundant species were Melinis minutiflora P. Beauv. from Poaceae family (52.54%), Panicum maximum Jacq. CV. Colonião from Poaceae family (8.70%), Sida rhombifolia L. from Malvaceae family (3.84%), Eragrostis pilosa (L.) P. Beauv. from Poaceae family (3.16%) and Spermacoce latifolia Aubl. from Rubiaceae family (2.49%). The non-woody species represented 92.09% and woody species 7.91% of the soil seed bank, and the surroundings compositions did not contribute in seed bank composition of the mined area. pt_BR
dc.format 49 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Sementes florestais pt_BR
dc.title Banco de sementes do solo em áreas de mineração e do entorno pt_BR
dc.title Soil seed bank in areas and surroundings of mining pt_BR
dc.type Dissertação pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
dissertacao_Vitor Oliveira Maia.pdf 2.174Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account