Biblioteca Florestal
Digital

Restauração do cerrado: a influência das técnicas e de fatores ecológicos sobre o desenvolvimento inicial da comunidade lenhosa

Show simple item record

dc.contributor.advisor Durigan, Giselda
dc.contributor.author Cava, Mário Guilherme de Biagi
dc.date.accessioned 2015-04-13T13:43:54Z
dc.date.available 2015-04-13T13:43:54Z
dc.date.issued 2014-08-29
dc.identifier.citation CAVA, M. G. B. Restauração do cerrado: a influência das técnicas e de fatores ecológicos sobre o desenvolvimento inicial da comunidade lenhosa. 2014. 78 f. Dissertação (Mestrado em Ciência Florestal) - Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Botucatu. 2014. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/13329
dc.description Dissertação de mestrado defendida na Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” pt_BR
dc.description.abstract A restauração da vegetação de cerrado é um desafio aos cientistas e restauradores, familiarizados com os obstáculos e processos peculiares da restauração florestal, mas que não se adequam ao ecossistema savânico. A técnica mais utilizada tem sido o plantio de mudas, que pode apresentar elevados custos, principalmente para restauração em larga escala. A semeadura direta de espécies lenhosas e técnicas de indução da regeneração natural têm sido recomendadas como alternativas ao plantio de mudas visando à restauração do Cerrado. Implantamos experimento em blocos ao acaso, com cinco tratamentos (técnicas de restauração) e quatro repetições, em uma pastagem abandonada, em área de cerradão, na região do Alto Xingu, Mato Grosso, Brasil. As técnicas envolveram a semeadura direta mecanizada em linhas e a lanço, plantio de mudas, regeneração natural assistida (aplicação de herbicida para controle de gramíneas invasoras) e controle (área sem intervenção). Amostramos a vegetação da área aos 22 meses após a implantação do experimento. Contabilizamos e identificamos todos os indivíduos de espécies lenhosas que ocorreram nas parcelas de amostragem, com 50 cm de altura mínima. Posteriormente, calculamos a densidade e a riqueza da comunidade, como indicadores do sucesso da restauração. Registramos 14892 indivíduos por hectare, pertencentes a 112 espécies. Dentre estas espécies, 16 foram plantadas e 96 regeneraram-se naturalmente por chuva de sementes ou rebrota. A semeadura direta em linhas foi superior às outras técnicas na recuperação da densidade. Este atributo da comunidade também foi influenciado pelo tipo de solo e, de forma secundária, pelo histórico de uso da terra. Por outro lado, a semeadura direta, em geral, resultou em comunidades com baixa diversidade, com forte dominância de uma única espécie. Nenhuma técnica de restauração apresentou- se superior às outras na recuperação da riqueza, sendo esta influenciada fortemente pelo histórico de uso anterior da terra, que determina o potencial de regeneração natural. Se a meta da restauração é a recuperação da densidade da comunidade, recomendamos, para áreas semelhantes ao local de estudo, a utilização da semeadura direta em linhas. Entretanto, se o objetivo da restauração for recuperar a riqueza, a técnica a ser utilizada apresenta importância relativa, uma vez que o histórico de uso da terra é o fator que mais influencia esta recuperação. O sucesso na recuperação da diversidade é mais provável quando as técnicas podem basear-se nos processos naturais de regeneração, uma vez que resultam em maior similaridade florística com o ecossistema de referência, em relação às técnicas que se baseiam na introdução das espécies por semeadura ou plantio. pt_BR
dc.description.abstract The restoration of the Cerrado vegetation is a challenge to scientists and practitioners, familiar with the obstacles and peculiar processes of forest restoration, which do not fit to the savanna ecosystem. The most widely used technique has been the planting of nursery raised seedlings, which may have high costs, especially for large-scale restoration. The direct seeding of woody plants and techniques for induction of natural regeneration have been recommended as alternatives to planting nursery raised seedlings, aiming to restore the Cerrado. We implemented an experiment in randomized blocks with five treatments (restoration techniques) and four replications, in an abandoned pasture previously occupied by cerradão (the forest-type of cerrado vegetation) in the Upper Xingu region, Mato Grosso, Brazil. The techniques involved direct mechanized seeding – broadcast and in rows, planting nursery raised seedlings, assisted natural regeneration (application of herbicide to control invasive grasses) and a control (area with no intervention). We sampled the vegetation of the area at 22 months after the restoration interventions. We recorded and identified all woody plants with a minimum height of 50 cm occurring in the sample plots. Subsequently, we calculated the density and richness of the community, as indicators of restoration success. We recorded 14892 individuals per hectare, belonging to 112 species. Among these species, 16 were planted and 96 regenerated naturally by seed rain or resprout. The direct sowing in rows was superior to other techniques in the recovery of the density. This attribute of the community was also influenced by soil type and, secondarily, by historical land use. On the other hand, direct seeding usually results in communities with low diversity and with high dominance of a single species. No restoration technique resulted in higher richness than the other techniques. Richness was strongly influenced by the history of land use, which determines the potential for natural regeneration. If the restoration goal is the recovery of the community density, we recommend the use of direct seeding in rows for similar environmental conditions. However, if the restoration goal is to recover the richness, the technique is less important, since the land use history is the factor that most influences the restoration outcomes. The successful recovery of diversity is more likely when the techniques can be based on natural regeneration processes, because they result in higher floristic similarity with the reference ecosystem, in relation to the techniques that are based on the introduction of the species by seeding or planting. pt_BR
dc.format 78 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Meio ambiente::Ecologia e ecossistemas florestais pt_BR
dc.title Restauração do cerrado: a influência das técnicas e de fatores ecológicos sobre o desenvolvimento inicial da comunidade lenhosa pt_BR
dc.title Restoration of the cerrado: the influence of technical and ecological factors on the initial development of the woody community pt_BR
dc.type Dissertação pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
dissertacao_Mario Guilherme de Biagi Cava.pdf 6.274Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account