Biblioteca Florestal
Digital

Variação de propriedades físicas do solo em profundidade e topossequência e sua influência na recarga de água em uma bacia hidrográfica, Viçosa, MG

Show simple item record

dc.contributor.advisor Dias, Herly Carlos Teixeira
dc.contributor.author Valadares, Alan Pessoa
dc.date.accessioned 2015-03-27T13:49:47Z
dc.date.available 2015-03-27T13:49:47Z
dc.date.issued 2014-12-10
dc.identifier.citation VALADARES, A. P. Variação de propriedades físicas do solo em profundidade e topossequência e sua influência na recarga de água em uma bacia hidrográfica, Viçosa, MG. 2014. 46 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2014. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br:80/handle/123456789/13292
dc.description Trabalho de Conclusão de Curso defendido na Universidade Federal de Viçosa pt_BR
dc.description.abstract O estudo do comportamento da água que promove a recarga de lençóis freáticos passa fundamentalmente pelo estudo da estrutura superficial. Esta estrutura receberá a água correspondente à precipitação efetiva e ao escoamento superficial, variáveis de entrada de água em uma bacia. É necessário que se conheçam as características edáficas dos diferentes meios percorridos pela água no solo, para que se possa avaliar o comportamento do escoamento de base, afim de que se entenda a dinâmica da água no solo, bem como seu potencial de armazenamento. O objetivo do presente trabalho foi avaliar cor, textura, argila dispersa em água e capacidade de retenção de água do solo, características físicas que estão envolvidas no processo de recarga de lençóis freáticos dentro de uma bacia hidrográfica. Houve tendência à diminuição do percentual de argila em profundidade. A variação de cor indica uma redução nos teores de argilas oxídicas Fe 2 O 3 e FeO(OH) em profundidade. Os baixos teores de argila dispersa em água indicam solos comexcelente nível de agregação. A capacidade de retenção de água possui relação polinomial de segundo grau com o percentual de argila. A capacidade de recarga de um evento de chuva em uma bacia pode ser avaliada por sua capacidade de retenção de água em profundidade e na topossequência, pois corresponde ao volume de máxima infiltração por metro quadrado que o solo poderá apresentar. pt_BR
dc.format 46 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Federal de Viçosa pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Solos e nutrição florestal pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Meio ambiente::Manejo de bacias hidrográficas pt_BR
dc.title Variação de propriedades físicas do solo em profundidade e topossequência e sua influência na recarga de água em uma bacia hidrográfica, Viçosa, MG pt_BR
dc.type TCC pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Monografia_Alan Pessoa Valadares.pdf 1.496Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account