Biblioteca Florestal
Digital

Protocolo de garantia de qualidade dos dados do monitoramento bacteriológico

Show simple item record

dc.contributor.author Sousa, Francisca Dalila Menezes de
dc.contributor.author Girão, Enio Giuliano
dc.contributor.author Gomes, Raimundo Bemvindo
dc.contributor.author Siste, Carlos Eduardo
dc.date.accessioned 2014-11-25T13:35:13Z
dc.date.available 2014-11-25T13:35:13Z
dc.date.issued 2011-09
dc.identifier.citation SOUSA, F. D. M. et al. Protocolo de garantia de qualidade dos dados do monitoramento bacteriológico. Fortaleza: Embrapa Agroindústria Tropical, Documentos, n. 138. 2011. 43 p. pt_BR
dc.identifier.issn 2179-8184
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br/handle/123456789/12983
dc.description Apresentação do conteúdo: 1 - Gerenciamento do projeto; 2 - Manuseio e aquisição de dados; 3 - Avaliação e supervisão; 4 - Validação e uso dos dados; 5 - Referências. pt_BR
dc.description.abstract O Fundo Cristão para Crianças, em parceria com a Universidade de Auburn, Estado do Alabama, Estados Unidos da América, introduziram no Brasil uma metodologia inovadora em educação ambiental, baseada na capacitação de grupos de voluntários para o monitoramento participativo da qualidade da água em bacias hidrográficas. Desde o ano 2000, foram formados grupos de Vigilantes da Água em diversas comunidades rurais do Vale do Jequitinhonha, Minas Gerais, e muitas famílias se beneficiaram da metodologia de trabalho, levando informações e conhecimentos sobre qualidade da água, essenciais para a manutenção da saúde das pessoas, bem como a conservação e a proteção dos recursos hídricos. No Estado do Ceará, o Vigilantes da Água iniciou em 2006, com o Projeto Gestão de fontes hídricas em microbacias hidrográficas, voltada para melhoria da qualidade de vida de comunidades rurais, coordenado pela Embrapa Agroindústria Tropical. O objetivo geral é monitorar a qualidade de fontes de água utilizadas para consumo humano, com base na capacitação e formação de agentes ambientais pertencentes à própria comunidade, denominados “Vigilantes da Água”. Este Protocolo foi inspirado na versão do Protocolo de garantia da qualidade dos dados elaborado pela Universidade de Auburn, ampliado e enriquecido com as experiências dos Grupos de Vigilantes da Água de Minas Gerais e Ceará, o qual fornece uma organização das tarefascumpridas pelo programa, a importância de validar os dados obtidos pelos Vigilantes da Água, controle de qualidade requeridos para execução correta dos procedimentos, metodologias comparativas para validação do método Coliscan Easygel e manuseio e disposição dos resultados, garantindo a qualidade dos dados que venham expressar a potabilidade da água de consumo. Esperamos que o Protocolo aperfeiçoe a confiabilidade das análises e mostre exatidão na qualidade dos dados obtidos pelo monitoramento bacteriológico das bacias hidrográficas onde será aplicada a metodologia do Vigilantes da Água e sirva como referência para os grupos de Vigilantes da Água, bem como para o fortalecimento dos programas de monitoramento da qualidade de águas já existentes. Aceitamos críticas e sugestões daqueles que, por terem um olhar diferente do nosso, queiram contribuir para o enriquecimento continuado deste trabalho. pt_BR
dc.format 43 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Embrapa Agroindústria Tropical pt_BR
dc.relation.ispartofseries Documentos;138
dc.subject.classification Ciências Florestais::Meio ambiente::Educação ambiental pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Meio ambiente::Manejo de bacias hidrográficas pt_BR
dc.title Protocolo de garantia de qualidade dos dados do monitoramento bacteriológico pt_BR
dc.type Boletim Técnico pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Documentos_138.pdf 2.289Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account