Biblioteca Florestal
Digital

Avaliação econômica da regeneração da vegetação de cerrado, sob diferentes regimes de manejo

Show simple item record

dc.contributor.author Oliveira, Antônio Donizette de
dc.contributor.author Melllo, Anabel Aparecida de
dc.contributor.author Scolforo, José Roberto Soares
dc.contributor.author Resende, José Luiz de Pereira
dc.contributor.author Melo, Josefina Ivonete Fagundes
dc.date.accessioned 2014-11-20T10:57:20Z
dc.date.available 2014-11-20T10:57:20Z
dc.date.issued 2002
dc.identifier.citation OLIVEIRA, A. D. et al. Avaliação econômica da regeneração da vegetação de cerrado, sob diferentes regimes de manejo. Revista Árvore, Viçosa, v. 26, n. 6, p. 715-726, 2002. pt_BR
dc.identifier.issn 1806-9088
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br/handle/123456789/12846
dc.description.abstract Os objetivos deste estudo foram avaliar a viabilidade econômica de manejar a vegetação nativa do cerrado submetida a seis diferentes níveis de intervenção, levando-se em conta alterações nos parâmetros valor da terra, nível de produtividade, custo de produção e preço da madeira, e comparar, em termos econômicos, duas opções para uso de terras originalmente ocupadas com vegetação de cerrado: produção de madeira (lenha) para energia, manejando a vegetação do cerrado, e retirada da vegetação para plantio de eucalipto. Os dados foram obtidos em Coração de Jesus-MG, em experimento instalado em uma área de 30 ha, submetida a seis tratamentos (retirada de 50, 70, 80, 90 e 100% da área basal e testemunha), com cinco repetições cada. Para avaliação econômica usou-se o valor presente líquido, considerando um horizonte de planejamento infinito. Concluiu-se que o ciclo de corte ótimo econômico é de 10 anos. Todos os regimes de manejo foram viáveis economicamente, exceto a retirada de 50% da área basal. O custo da terra é significativo na formação do custo de produção da vegetação do cerrado, o que evidencia que planos de manejo podem ser mais lucrativos se forem implantados em regiões onde o preço da terra é baixo. Variações na produtividade, nos custos de produção e no preço da madeira também afetaram de maneira significativa a viabilidade econômica dos regimes de manejo. Do ponto de vista econômico, investir no plantio de eucalipto em regiões de cerrado, visando produzir madeira para energia, só é mais interessante que manejar a vegetação do cerrado se a produtividade do eucalipto for maior do que 45 st/ha.ano. pt_BR
dc.description.abstract The objectives os this study were to evaluate the economic viability of managing a native savannah vegetation, submitted to six different intervention levels, considering changes in: land price, productivity level, production cost and wood price and to compare two options of using land originally covered with savannah vegetation: wood production (firewood) for energy, by managing the savannah vegetation and clearing the vegetation for eucalyptus plantation. The data were obtained in the Alvação Farm, district of Coração de Jesus- MG. The experiment was installed in an area of 30 hectares, and submitted to 6 treatments (remotion of 50%, 70%, 80%, 90% and 100% of the basal area, plus control), with 5 repetitions each. For economic evaluation, Net Present Value was used, considering an infinite planning horizon. It was concluded that the optimum economic cycle was 10 years. All the other management regimes were economically viable, except that in which 50% of the basal area was removed. Land cost is significant in the formation of the production cost of the savannah vegetation, suggesting that managing this vegetation can be more profitable in areas where land price is low; variations in productivity, production costs and wood price also affected significantly the economic viability of all management regimes. Investing in eucalyptus plantation in savannah areas to produce wood for energy is better than managing savannah vegetation only if productivity is over 45 st/ha.year. pt_BR
dc.format 12 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Sociedade de Investigações Florestais pt_BR
dc.relation.ispartofseries Revista Árvore:v.26,n.6;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Manejo florestal pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Manejo florestal::Economia e otimização florestal pt_BR
dc.title Avaliação econômica da regeneração da vegetação de cerrado, sob diferentes regimes de manejo pt_BR
dc.title Economic evaluation of savannah regeneration under different management regimes pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Revista_Arvore_v26_n6_p715-726_2002.pdf 461.6Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account