Biblioteca Florestal
Digital

Quantificação de erosão em sistemas agroflorestais e convencionais na zona da mata de Minas Gerais

Show simple item record

dc.contributor.author Franco, Fernando Silveira
dc.contributor.author Couto, Laércio
dc.contributor.author Carvalho, Anor Fiorini de
dc.contributor.author Jucksch, Ivo
dc.contributor.author Fernandes Filho, Elpídio Inácio
dc.contributor.author Silva, Elias
dc.contributor.author Meira Neto, João Augusto Alves
dc.date.accessioned 2014-11-19T12:50:24Z
dc.date.available 2014-11-19T12:50:24Z
dc.date.issued 2002
dc.identifier.citation FRANCO, F. S. et al. Quantificação de erosão em sistemas agroflorestais e convencionais na zona da mata de Minas Gerais. Revista Árvore, Viçosa, v. 26, n. 6, p. 751-760, 2002. pt_BR
dc.identifier.issn 1806-9088
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br/handle/123456789/12825
dc.description.abstract A Zona da Mata de Minas Gerais é caracterizada por topografia forte ondulada, com solos intemperizados com baixa fertilidade natural e regime pluviométrico capaz de sustentar uma vegetação florestal. A ocupação da terra é minifundiária, predominando a agricultura familiar, que sofre as conseqüências da modernização da agricultura, exigindo uso intensivo do solo, o que, conseqüentemente, promove perdas de solo, água e nutrientes por erosão. Uma das alternativas propostas para redução das perdas por processos erosivos foi a implantação de sistemas agroflorestais. O objetivo deste estudo foi comparar as perdas por erosão em sistemas agroflorestais implantados em propriedades de pequenos agricultores com as perdas em sistemas convencionais. Os sistemas foram implantados como unidades experimentais de observação das condições socioambientais dos agricultores, utilizando metodologias participativas. Estas unidades experimentais apresentam dificuldades para quantificação da erosão, quando são usadas metodologias convencionais. A dinâmica do manejo utilizado pelos agricultores dificulta o uso de métodos que exigem a implantação de equipamentos permanentes. Além disto, os métodos que exigem o isolamento das parcelas produzem efeitos de borda que mascaram os resultados, quando comparados com os do sistema aberto conduzido por agricultores. Desta forma, foi desenvolvido um coletor de água e solo para superar tais limitações. O equipamento é composto por uma “mesa”, que é inserida no solo, acoplada a uma calha móvel que sustenta um saco plástico. A água e o solo coletados no saco plástico são quantificados e analisados. Foram instalados coletores em 25 unidades de observação, sendo 14 em sistemas convencionais e 11 em sistemas agroflorestais. A energia dos eventos erosivos foi calculada a partir de pluviogramas, para estimar as perdas potenciais anuais dos sistemas. Os dados foram coletados na estação chuvosa de 1998/ 1999. As perdas totais de solo, carbono orgânico e nutrientes dos sistemas convencionais, estimadas para um ano, foram significativamente maiores que as dos sistemas agroflorestais, o que indica a maior sustentabilidade ecológica destes últimos e comprova que eles são capazes de conservar os recursos naturais, evidenciando a importância da conversão dos sistemas convencionais em sistemas ecologicamente sustentáveis. pt_BR
dc.description.abstract Zona da Mata de Minas Gerais is characterized by steep slopes, weathered soils with low natural fertility and precipitation capable to sustain a forest vegetation. Most of the land owners are small farmers, who suffer the consequences of modern agricultural technology, which demands intensive use of the land, causing soil, water and nutrient losses due to erosion. One of the alternatives proposed for the reduction of the erosive losses is to implement alternative agroforestry systems. The objective of this study is to compare losses due to erosion in agroforestry systems established in small farms under conventional systems. The systems were established as experimental units of observation under the existing environmental conditions, using participatory methodologies. It was difficult to quantify erosion using conventional methodologies. The management dynamics used by the farmers hinders the use of methods that require permanent equipment. Besides, methods demanding isolation of sample areas cause border effects that disturb the results, when compared with the open systems used by the farmers. Thus, a water and soil collector was developed to overcome these limitations. The equipment is composed by a “board” that is inserted in the soil, coupled to a mobile gutter that sustains a bag. The water and the soil collected in the bag are quantified and analyzed. This device was installed in 25 observation units, 14 under conventional and 11 under agroforestry systems. The energy of the erosive events was calculated from pluviograms to estimate the annual potential losses of the systems. Data were collected in the 1998/1999 rainy season. The total losses of soil, organic matter and nutrients under the conventional systems, estimated for one year, were significantly greater than those under the agroforestry systems, indicating a greater ecological sustainability of the latter, proving that agroforestry systems are able to preserve natural resources, stressing the need to convert conventional systems into ecologically sustainable systems. pt_BR
dc.format 10 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Sociedade de Investigações Florestais pt_BR
dc.relation.ispartofseries Revista Árvore:v.26,n.6;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Sistemas agroflorestais pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Silvicultura::Solos e nutrição florestal pt_BR
dc.title Quantificação de erosão em sistemas agroflorestais e convencionais na zona da mata de Minas Gerais pt_BR
dc.title Evaluation of erosion under agroforestry and conventional systems in zona da mata de Minas Gerais pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Revista_Arvore_v26_n6_p751-760_2002.pdf 1.879Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account