Biblioteca Florestal
Digital

Inclusão de material herborizado em metacrilato para estudos de anatomia vegetal

Show simple item record

dc.contributor.author Meira, Renata Maria Strozi Alves
dc.contributor.author Martins, Fabiano Machado
dc.date.accessioned 2014-10-28T11:41:51Z
dc.date.available 2014-10-28T11:41:51Z
dc.date.issued 2003
dc.identifier.citation MEIRA, R. M. S. A.; MARTINS, F. M. Inclusão de material herborizado em metacrilato para estudos de anatomia vegetal. Revista Árvore, Viçosa, v. 27, n. 1, p. 109-112, 2003. pt_BR
dc.identifier.issn 1806-9088
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br/handle/123456789/12284
dc.description.abstract As técnicas usuais empregadas no processamento de materiais herborizados são limitantes porque não permitem reproduzir um laminário permanente e porque o registro dos resultados é temporário. Em estudos de anatomia aplicada à taxonomia, muitas vezes, é necessário utilizar exsicatas. Este trabalho teve como objetivo testar a utilização de metacrilato (Historesin, Leica) na preparação e inclusão de material herborizado, visando a obtenção de laminário permanente. Foram utilizadas folhas de plantas herborizadas do gênero Senecio Tourn. ex L. (Asteraceae), previamente reidratadas em H2O e armazenadas em etanol 70%. As amostras foram desidratadas em série etanólica e submetidas à (1v:1v) mistura de AE 95% e resina pura. Durante a infiltração, com resina pura, o material foi submetido a vácuo durante 72 horas. Os blocos foram cortados em micrótomo de avanço automático, com navalhas de aço descartáveis, e os cortes foram corados com azul-de-toluidina (pH 4,0). As lâminas foram montadas em Permount. O laminário permanente obtido apresentou qualidade superior à dos produzidos pelas técnicas usuais, pois foi possível obter cortes seriados, com espessura determinada. Essa técnica possibilitou otimizar a obtenção de cortes, a partir de pequenos fragmentos de exsicatas. pt_BR
dc.description.abstract The usual herbalized material processing techniques are limited due to the difficulties to produce permanent slide collections, and to register permanent results. In studies of taxonomy-applied anatomy, it is often necessary to use herbarium specimens. The objective of this study was to test methacrylate (Historesin, Leica) in the preparation and inclusion of herbalized materials to obtain a permanent slide collection. Herbalized leaves from the genus Senecio Tourn. ex L. (Asteraceae) were used, after being submitted to re-dehydration in ethanol 70%. The samples were dehydrated in an ethanol series and submitted to a mixture of AE 95% plus pure resin (1v:1v). The embbeding process in pure resin was submitted to a vaccum during 72 hours. The blocks were cut in an automatic progress microtome, using disposable steel razors and the cuts stained with Toluidine Blue pH 4.0. The slides were mounted in Permount. The permanent slide collection obtained showed high quality, compared with those obtained by the usual techniques, because the cuts were seriate; cut thickness could be determined allowing the use of few samples for the analysis of the material. pt_BR
dc.format 4 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Sociedade de Investigações Florestais pt_BR
dc.relation.ispartofseries Revista Árvore:v.27,n.1;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Tecnologia e utilização de produtos florestais::Anatomia e identificação de produtos florestais pt_BR
dc.title Inclusão de material herborizado em metacrilato para estudos de anatomia vegetal pt_BR
dc.title The inclusion of herbalized material using methacrylate for plant anatomy studies pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Revista_Arvore_v27_n1_p109-112_2003.pdf 428.6Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account