Biblioteca Florestal
Digital

Classes sucessionais e síndromes de dispersão de espécies arbóreas e arbustivas existentes em vegetação ciliar remanescente (Conchal, SP), como subsídio para avaliar o potencial do fragmento como fonte de propágulos para enriquecimento de áreas revegetadas no Rio Mogi-Guaçu, SP

Show simple item record

dc.contributor.author Aquino, Clarissa de
dc.contributor.author Barbosa, Luiz Mauro
dc.date.accessioned 2014-09-22T18:19:38Z
dc.date.available 2014-09-22T18:19:38Z
dc.date.issued 2009
dc.identifier.citation AQUINO, C.; BARBOSA, L. M. Classes sucessionais e síndromes de dispersão de espécies arbóreas e arbustivas existentes em vegetação ciliar remanescente (Conchal, SP), como subsídio para avaliar o potencial do fragmento como fonte de propágulos para enriquecimento de áreas revegetadas no Rio Mogi-Guaçu, SP. Revista Árvore, Viçosa, v. 33, n. 2, p. 349-358, 2009. pt_BR
dc.identifier.issn 1806-9088
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br/handle/123456789/11255
dc.description.abstract Este estudo foi realizado em fragmento de vegetação ciliar remanescente, localizado à margem direita do rio Mogi-Guaçu, Município de Conchal, SP, tendo como objetivo a avaliação do potencial desse fragmento como fonte de propágulos para projetos de enriquecimento em áreas ciliares implantadas na região de Mogi-Guaçu, SP. Para tanto, foi realizada a caracterização sucessional e da síndrome de dispersão das espécies arbóreas e arbustivas. No local, foram registradas 99 espécies arbóreas e arbustivas, pertencentes a 38 famílias. As famílias com maior número de espécies foram Euphorbiaceae, Fabaceae, Myrtaceae e Rubiaceae. Quanto aos grupos sucessionais, foi verificado equilíbrio na quantidade de espécies secundárias tardias (28,3%) e daquelas típicas de sub-bosque (23,2%). A síndrome de dispersão predominante entre as espécies arbóreas e arbustivas foi a zoocoria, identificada em 64,6% delas, seguida pela anemocoria, que representou 20,2% dos casos. Os resultados gerais apontaram o bom estado de conservação desse fragmento e a viabilidade de sua utilização como fonte de propágulos para ações de revegetação em áreas ciliares da região. pt_BR
dc.description.abstract This work was conducted in a reminiscent Riparian forest fragment at the Mogi-Guaçu River, in Conchal, SP, Brazil, to evaluate the potential of this fragment as a seed supplier to other projects regarding the preservation and enrichment of this type of forest in the region. Thus, the tree and scrub species sampled in floristic surveys were classified according to their dispersal syndromes and successional groups, with 38 families and 99 species being recorded in the area. The families with the most species were Euphorbiaceae, Fabaceae, Myrtaceae, and Rubiaceae. A balance was observed between late secondary species (28.3%) and understory species (23.2%). Zoochory was the most frequently observed syndrome (64.6%), followed by anemochory (20.2%). These results show the good conservation of the fragment studied, and confirm the viability of using it as a source of seeds in Riparian forest revegetation projects in the Mogi-Guaçu region. pt_BR
dc.format 10 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Sociedade de Investigações Florestais pt_BR
dc.relation.ispartofseries Revista Árvore:v.33,n.2;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Meio ambiente::Ecologia e ecossistemas florestais pt_BR
dc.title Classes sucessionais e síndromes de dispersão de espécies arbóreas e arbustivas existentes em vegetação ciliar remanescente (Conchal, SP), como subsídio para avaliar o potencial do fragmento como fonte de propágulos para enriquecimento de áreas revegetadas no Rio Mogi-Guaçu, SP pt_BR
dc.title Successional groups and dispersal syndromes of tree and shrub species at the riparian forest fragment in Conchal, SP, Brazil to evaluate its potential as a source of seeds to the enrichment of revegetated riparian areas along the Mogi- Guaçu River, SP pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
Revista_Arvore_v33_n2_p349-358_2009.pdf 330.0Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account