Biblioteca Florestal
Digital

Dispersão, distribuição espacial e estratificação vertical da comunidade arbórea em um fragmento florestal no planalto catarinense

Show simple item record

dc.contributor.author Negrini, Marcelo
dc.contributor.author Aguiar, Manoela Drews de
dc.contributor.author Vieira, Cenir Teodoro
dc.contributor.author Silva, Ana Carolina da
dc.contributor.author Higuchi, Pedro
dc.date.accessioned 2014-09-17T16:29:10Z
dc.date.available 2014-09-17T16:29:10Z
dc.date.issued 2012
dc.identifier.citation NEGRINI, M. et al. Dispersão, distribuição espacial e estratificação vertical da comunidade arbórea em um fragmento florestal no planalto catarinense. Revista Árvore, Viçosa, v. 36, n. 05, p. 919-929. 2012. pt_BR
dc.identifier.issn 1806-9088
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br/handle/123456789/11092
dc.description.abstract Este estudo teve como objetivo identificar as estratégias de dispersão de propágulos, a distribuição espacial e a estratificação vertical de espécies arbóreas em um fragmento de Floresta Ombrófila Mista em Lages, SC. Para amostragem da vegetação arbórea, foram alocadas 25 parcelas de 400 m² (20 m x 20 m) e todos os indivíduos arbóreos dentro das parcelas com diâmetro a altura do peito (DAP, medido a 1,30 m do solo) maior ou igual a 5 cm foram identificados e tiveram sua altura estimada. Para complementar a lista florística, foram feitos caminhamentos aleatórios no fragmento objetivando identificar espécies arbóreas não amostradas nas parcelas. As espécies foram classificadas segundo: i) a sua síndrome de dispersão em zoocórica, anemocórica ou autocórica; ii) o padrão de distribuição espacial dos indivíduos, considerando-se a distribuição aleatória, agregada e uniforme; iii) a posição no estrato vertical da floresta, como sendo dos estratos superior, intermediário ou inferior. Do total de 87 espécies amostradas, 80,5% foram classificadas como zoocóricas, 16,1% como anemocóricas e 3,4% como autocóricas. Verificou-se a predominância de espécies com distribuição espacial aleatória e pertencente ao estrato superior, com altura superior ou igual a 12,45 m. Os resultados indicam a importância da fauna silvestre para a manutenção do funcionamento ecológico do fragmento estudado, uma vez que a maior parte das espécies são zoocóricas. O conhecimento desses atributos das populações arbóreas pode subsidiar estratégias de conservação e manejo de fragmentos florestais na região, uma vez que permite conhecer melhor a ecologia das espécies. pt_BR
dc.description.abstract This study aimed to identify the strategies of propagules dispersion, spatial distribution and vertical stratification of tree species in an Araucaria Forest in Lages, SC. For sampling of the tree component, 25, 20 x 20 m (400 m²), plots were allocated, where all living trees with diameter at breast height (dbh, measured at 1,30 m height) higher or equal to 5 cm had the botanical identity determined and the total height estimated. Tree species found outside the plots, through random walks in the fragment, were recorded in order to complement the floristic list. The species were classified according to: i) their dispersion syndrome in zoochory, anemochory and autochory; ii) spatial distribution patterns of individuals, considering the random, clustered and regular distributions; and iii) vertical position in forest, being categorized as upper, intermediary and lower stratum. The survey totaled 87 species, with the predominance of zoochoric, random distributed species, occupying the upper vertical stratum. The knowledge of these attributes of tree species populations may support the conservation and management strategies of forest fragments in the study region, since it allow a better understanding of species ecology. pt_BR
dc.format 12 páginas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Sociedade de Investigações Florestais pt_BR
dc.relation.ispartofseries Revista Árvore:v.36,n.5;
dc.subject.classification Ciências Florestais::Manejo florestal::Dendrometria e mensuração florestal pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Manejo florestal pt_BR
dc.title Dispersão, distribuição espacial e estratificação vertical da comunidade arbórea em um fragmento florestal no planalto catarinense pt_BR
dc.title Dispersion, spatial distribution and vertical stratification of the tree community in a forest fragment in "planalto catarinense" region pt_BR
dc.type Artigo pt_BR

Files in this item

Files Size Format View Description
Revista_Arvore_v36_n5_p919-929_2012.pdf 792.1Kb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar Artigo

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account